Perfil do COVID-19 e do H1N1: aspectos epidemiológicos e clínicos / Profile of COVID-19 and H1N1: epidemiological and clinical aspects

Luísa Guimarães Mendonça, João Gabriel Porto Lima, Alexandre Junior Fenato, Hugo Ribeiro Vinhal de Sena, Marina Fagundes Paula, Francisco de Assis Andrade, Maura Regina Guimarães Rabelo, Natália de Fátima Gonçalves Amâncio

Abstract


A gripe ou influenza é causa de grande preocupação para a saúde pública mundial por ser altamente transmissível, ter a morbimortalidade agravada em alguns pacientes e pela capacidade de mutação antigênica dos vírus influenza A. Por consequência disso, o vírus H1N1 em 2009 ocasionou globalmente grande repercussão social e econômica. Já no cenário atual, a enfermidade causada pelo vírus COVID-19, caracterizada por uma doença respiratória aguda, a qual apresenta características semelhantes ao H1N1 e a sua repercussão. O presente estudo tem como objetivo descrever o perfil clínico e epidemiológico das pandemias H1N1 e COVID-19 no que tange aos fatores de risco, transmissibilidade, sexo e faixa etária mais incidentes, países mais acometidos, órgãos mais afetados, sintomas e complicações, letalidade e mortalidade. Dessa forma, pesquisou-se sobre a descrição do perfil de duas enfermidades: H1N1 e COVID-19, cruzando os seguintes descritores: “COVID-19 e perfil”; “pandemia e H1N1”; “H1N1 e epidemiologia”; “pandemia e COVID-19”; “COVID-19 e características” e “COVID-19 e epidemiologia”. Após os resultados comparativos de vários artigos científicos sobre as duas doenças, conclui-se que o vírus H1N1 e SARS-CoV-2, apesar de serem vírus diferentes, a sintomatologia, as complicações e a transmissão das duas doenças são semelhantes, havendo a piora dos casos na presença de comorbidades e fatores de risco. Entretanto, devido ao seu aparecimento recente, o SARS-CoV-2, ainda necessita de mais pesquisas para melhor consolidação de um perfil epidemiológico e clínico específico. 


Keywords


Pandemia, H1N1, COVID-19, Perfil Clínico E Perfil Epidemiológico.

References


AHN, D. G. et al. Current Status of Epidemiology, Diagnosis, Therapeutics, and Vaccines for Novel Coronavirus Disease 2019 (COVID-19), J Microbiol Biotechnol, v. 30, n. 3, p. 313-324, 2020.

AMORIM, V. B. et.al., Achados na tomografia computadorizada em pacientes com infecção pulmonar pelo vírus influenza A (H1N1), Radiologia Brasileira, São Paulo, v.46, n.5, 2013.

BAPTISTA, A. B. et al. Covid-19, análise das estratégias de prevenção, cuidados e complicações sintomáticas, Revista Interdisciplinar da Universidade Federal do Tocantins, v. 7, n. Especial-3, p. 38-47, 22 abr. 2020.

BEIRIGO, A. P. T.; PEREIRA, Isabel da S.; SILVA, Patrícia C. L. da. INFLUENZA A (H1N1): REVISÃO BIBLIOGRÁFICA. Revista de Saúde e Biologia, v. 12, n. 2, p. 53-67, 2012.

BELLEI, N.; MELCHIO. T. B., H1N1: pandemia e perspectiva atual, Jornal Brasileiro de Patologia e Medicina Laboratorial, v.47, n.6, p.611-617, dez de 2011.

BRASIL. Secretaria de Vigilância em Saúde. Boletim Epidemiológico Especial 36: Doença pelo Coronavírus COVID-19. Out. 2020.

BRASIL. Secretaria de Vigilância em Saúde. Capacitação sobre influenza para profissionais de vigilância em saúde. Brasília: Ministério da Saúde; 2012.

BRASIL. Secretaria de Vigilância em Saúde. Recomendações de proteção aos trabalhadores dos serviços de saúde no atendimento de COVID-19 e outras síndromes gripais. 2020.

FERRARI, F., COVID-19: Dados Atualizados e sua Relação Com o Sistema Cardiovascular. Arq. Bras. Cardiol., São Paulo, v. 114, n. 5, p. 823-826, maio 2020.

FILHO, N. A. et al. Epidemiologia & saúde: fundamentos, métodos, aplicações. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2011.

FITZNER, Julia et al. Revision of clinical case definitions: influenza-like illness and severe acute respiratory infection. Bull World Health Organ, 2018.

FU, et al., Clinical characteristics of coronavirus disease 2019 (COVID-19) in China: A systematic review and meta-analysis. Journal of Infection, v. 80, n. 6, p. 656-665, junho 2020.

GIRARD P. M., TOM J. S., ASSOSSOU O. M., KIENY M. P. The 2009 A (H1N1) influenza virus pandemic: A review. Vacine. V. 28, n. 31, p. 4895 - 4902, 2010.

GOMES, Isaltina M. de A. M. ; FERRAZ, Luiz M. R.. Ameaça e Controle da Gripe A(H1N1): uma análise discursiva de Veja, IstoÉ e Época. Saúde e Sociedade, São Paulo, 2012.

GUAN, W., et al. Clinical Characteristics of Coronavirus Disease 2019 in China, The New England Journal of Medicine, v. 80, n. 6, p. 656 – 665, 2020.

JÚNIOR, A. P. N.; MOCELIN, A. O.; NUNES, L. B.; BRAUER, L., Apresentação clínica e evolução de pacientes com infecção por Influenza A (H1N1) que necessitaram de terapia intensiva durante a pandemia de 2009, Revista Brasileira de Terapia Intensiva, v.22, n.4, p.333-338, 2010.

KERKHOVE, D. V et al. Estimating age-specific cumulative incidence for the 2009 influenza pandemic: a meta-analysis of A(H1N1)pdm09 serological studies from 19 countries. John Wiley & Sons Ltd, Geneva, 21 Janeiro 2013.

LIMA, N. T., BUSS, P. M., SOUSA, R. P., A pandemia de COVID-19: uma crise sanitária e humanitária, Caderno de Saúde Pública, Rio de Janeiro, v.36, n.7, julho de 2020.

MAGALHÃES. J., et al., Infecção por H1N1 num Serviço de Pediatria. Nascer e crescer: Revista do Hospital de Crianças Maria Pia, Porto-Portugal, v.21, n.1, 2012.

PATEL, M; DENNIS, A; KHAN, Z. Pandemic (H1N1) 2009 influenza. British Journal of Anaesthesia, 5 Janeiro 2010.

PRERNA, A. et al. Neurology of the H1N1 pandemic in Singapore: a nationwide case series of children and adults. Journal of NeuroVirology, Singapore, 28 Abril 2015.

RABAAN, A. A.; ALSHAIKH, S. A.; BAZZ, Ali M. . Influenza A(H1N1)pdm09 epidemiology in the Eastern Province of Saudi Arabia. Journal of Infection and Public Health, 26 Maio 2018.

SAFADI, M. A. P. As características intrigantes da COVID-19 em crianças e seu impacto na pandemia. J. Pediatr. (Rio J.), Porto Alegre, v. 96, n. 3, p. 265-268, junho de 2020.

SCOTTA. M. C. et. al., Fatores de risco para necessidade de ventilação mecânica em crianças com Influenza A(H1N1)pdm09. Jornal de Pediatria. Rio de Janeiro. Janeiro, v.89, n.5, p.444-449, 2013.

SILVA, Sarah Giarola. CARACTERIZAÇÃO FENOTÍPICA E FUNCIONAL DA RESPOSTA IMUNE DE VOLUNTÁRIOS IMUNIZADOS CONTRA INFLUENZA A (H1N1)pdm09. Belo Horizonte, 2015. Dissertação (Ciências) - Programa de Pós - Graduação em Ciências da Saúde do Centro de Pesquisas René Rachou.

SUN. J. et al. COVID-19: Epidemiology, Evolution, and Cross-Disciplinary Perspectives, Trends in Molecular Medicine, v. 26, n. 5, p. 483-495, maio de 2020.

THULER, L. C. S., MELO, A. C., Sars-CoV-2/Covid-19 em Pacientes com Câncer. Rev. Bras. Cancerol, v. 66, n. 2, e-00970, abril 2020.

WHO. Clinical Aspects of Pandemic 2009 Influenza A (H1N1) Virus Infection. Writing Committee of the WHO Consultation on Clinical Aspects of Pandemic (H1N1) 2009 Influenza. Maio de 2010.

WHO. Implementation of the International Health (2005) - Regulations. Report of the Review Committee on the Functioning of the International Health Regulations (2005) in relation to Pandemic (H1N1) 2009 - A64/10, Maio de 2011.

WIECHING, A. et al. Clinical characteristics of pediatric hospitalizations associated with 2009 pandemic influenza A (H1N1) in Northern Bavaria, Germany. BMC Research Notes, 18 Junho 2012.

WU, F. et al., A new coronavirus associated with human respiratory disease in China. Revista: Nature, CN, v.579, n.7798, p.265-269, 2020.

ZHOU, M., ZHANG, X., QU, J., Coronavirus disease 2019 (COVID-19): a clinical uptade. Frontiers of Medicine, v.14, n.2, p.126-135, abril de 2020




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n1-075

Refbacks

  • There are currently no refbacks.