Dificuldades enfrentadas por crianças e adolescentes após o diagnóstico de Diabetes Mellitus tipo 1: uma revisão de literatura / Difficulties faced by children and adolescents after diagnosis of Diabetes Mellitus type 1: an integrative review

Jéssica Ohana Souto Ferreira, Sueli Andrade Amaral, Jaianne Oliveira Leão Silva, Aline Márcia Ribeiro Dias Tinôco, Kaany Soares Novaes, Jhennyfer Raquell Oliveira Novais e Silva, Anna Rúbia de Oliveira

Abstract


Introdução: o Diabetes Mellitus tipo 1 é uma doença metabólica crônica e autoimune, causada pela destruição das células beta-pancreáticas responsáveis pela produção de insulina, e a não adesão ao tratamento gera repercussões na qualidade de vida, além de alta morbimortalidade. É mais comum em crianças e adolescentes, e sua prevalência é de 5% a 10% dos casos totais de diabetes. Apesar dos números consideráveis, a produção de material científico acerca deste tema ainda é escassa, o que dificulta a adesão ao tratamento, o entendimento dos pacientes e de seus cuidadores acerca da doença, bem como gera mais inseguranças e incertezas no convívio com a mesma. Objetivo: identificar as principais dificuldades enfrentadas por crianças e adolescentes diagnosticadas com Diabetes Mellitus tipo 1 no convívio com a patologia e realização do tratamento, segundo a literatura. Método: trata-se de uma revisão integrativa, com busca realizada nas bases de dados LILACS e SciELO, onde foram selecionados artigos publicados no período de 2005 a 2020. As publicações foram analisadas de forma crítica e com abordagem quali-quantitativa. Conclusão: as principais dificuldades enfrentadas de destaque são o medo e demais sentimentos negativos que procedem a descoberta da doença, as mudanças no estilo de vida – sobretudo as que abrangem hábitos alimentares, e a realização da insulinoterapia. Demonstram também que o conhecimento acerca da doença é crucial para a adesão ao tratamento e prevenção de complicações agudas e crônicas.


Keywords


Diabetes Mellitus tipo 1, crianças, adolescentes, tratamento, dificuldades.

References


BRITO, Thaís Basso de; SADALA, Maria Lúcia Araújo. Diabetes mellitus juvenil: a experiência de familiares de adolescentes e pré-adolescentes. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, v. 14, n. 3, p. 947-960, jun. 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232009000300031&lng=pt&nrm=iso. Acesso em 19 de outubro de 2020.

COLLET N et al. Self-care support for the management of type 1 diabetes during the transition from childhood to adolescence. Rev Esc Enferm USP. 2018; v. 52: e-03376. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S0080-62342018000100461&lng=en&nrm=iso. Acesso em 15 de março de 2020.

Fragoso LVC, Cunha MCSO, Fragoso EB, et al. Autocuidado em Pessoas com Diabetes Mellitus Tipo 1: Vivências de Adolescentes. Rev Fund Care Online. 2019.11(n. esp):289-296. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-969394. Acesso em 19 de outubro de 2020.

GRECO-SOARES, Juliana Prytula; DELL'AGLIO, Débora Dalbosco. Adesão ao tratamento em adolescentes com diabetes mellitus tipo 1. Psic., Saúde & Doenças, Lisboa, v. 18, n. 2, p. 322-334, ago. 2017. Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_abstract&pid=S1645-00862017000200004&lng=pt&nrm=iso. Acesso em 15 de março de 2020.

HELENO, Maria Geralda Viana et al. Acampamento de férias para jovens com Diabetes Mellitus Tipo I: Achados da abordagem psicológica. Bol. psicol, São Paulo, v. 59, n. 130, p. 77-90, jun. 2009. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0006-59432009000100007&lng=pt&nrm=iso. Acesso em 19 de outubro de 2020.

LEAL, Dalila Teixeira et al. Diabetes na infância e adolescência: o enfrentamento da doença no cotidiano da família. HU Revista, v. 35, n. 4, 2009. Disponível em: http://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/831. Acesso em 19 de outubro de 2020.

LIMA, Ana Katarina Marques de. Et al. Assessment of quality of life of DM1 patients in the ambulatory of the medical specialties center of an institution. Brazilian Journal of Health Review, v. 3, n. 5, p. 13656-13675, 2020. Disponível em: https://www.brazilianjournals.com/index.php/BJHR/article/view/17526/14227. Acesso em 21 de dezembro de 2020.

MARCELINO, Daniela Botti; CARVALHO, Maria Dalva de Barros. Aspectos emocionais de crianças diabéticas: experiência de atendimento em grupo. Psicol. estud., Maringá , v. 13, n. 2, p. 345-350, June 2008. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-73722008000200017&lng=en&nrm=iso. Acesso em 19 de outubro de 2020.

MOREIRA, Tatiana Rebouças et al. Dificuldades de crianças e adolescentes com Diabetes Mellitus tipo 1 acerca da doença. Rev Rene, v. 17, n. 5, p. 651-658, 2016. Disponível em: http://www.periodicos.ufc.br/index.php/rene/article/view/6195. Acesso em 19 de outubro de 2020.

ORTIZ LMO et al. Melhores práticas de enfermagem em educação em diabetes à criança hospitalizada: uma revisão integrativa. Rev. Eletr. Enf. 2017. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/portal/resource/pt/biblio-913011. Acesso em 15 de março de 2020.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES. Diagnóstico e Tratamento do Diabetes tipo 1. Posicionamento oficial SBD nº 1 – Atualização 2012. São Paulo, nov. 2012.

SOCIEDADE BRASILEIRA DE DIABETES. Diretrizes da Sociedade Brasileira de Diabetes 2019-2020. Rio de Janeiro, 2019.

SOUZA, Ilana Vanina Bezerra et al. Percepção das mães frente ao diagnóstico do filho com diabetes mellitus tipo 1. Cogitare Enfermagem, v. 16, n. 1, p. 43-48, 2011. Disponível em: https://www.redalyc.org/pdf/4836/483648966006.pdf. Acesso em 19 de outubro de 2020.

SOUZA ALV et al. Perfil e evolução clínica dos pacientes com diabetes mellitus Tipo 1: estudo longitudinal em um centro de referência secundária de Minas Gerais. REME – Rev Min Enferm. 2018[citado em];22:e-1111. Disponível em: https://pesquisa.bvsalud.org/ripsa/resource/pt/biblio-912786. Acesso em 15 de março de 2020.

VARGAS, Deisi Maria et al. Um olhar psicanalítico sobre crianças e adolescentes com diabetes Mellitus tipo 1 e seus familiares. Rev. Psicol. Saúde, Campo Grande, v. 12, n. 1, p. 87-100, abr. 2020. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2177-093X2020000100007&lng=pt&nrm=iso. Acesso em 19 de outubro de 2020.

WOLKERS, Paula Carolina Bejo et al. Atenção primária à criança com diabetes mellitus tipo 1: perspectiva de cuidadores. Acta paul. enferm., São Paulo, v. 30, n. 5, p. 451-457, Oct. 2017. Disponível em: https://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0103-21002017000500451&script=sci_abstract&tlng=pt.. Acesso em 15 de março de 2020.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv4n1-064

Refbacks

  • There are currently no refbacks.