Relação entre doença de alzheimer e diabetes mellitus tipo 2 / Relationship between alzheimer's disease and diabetes mellitus type 2

Lis Mariana da Silva Menezes, Liliane Rodrigues Garcia, Antonio José Ferreira Maia Russo, Karen Larissa Dias Corrêa, Raíssa do Socorro Silva Jacob, Jhonata Alves de Carvalho, Erik Artur Cortinhas-Alves, Clebson Pantoja Pimentel

Abstract


A Doença de Alzheimer (DA) é uma demência neurodegenerativa caracterizada histopatologicamente pela deposição de peptídios beta amiloides (Aβ) no cérebro, levando a morte neuronal e perda sináptica. Esta patologia afeta indivíduos, sua maioria, em idade avançada. A idade também funciona como fator de risco no Diabetes Mellitus tipo 2 (DM2), caracterizado pela resistência periférica a insulina decorrente do defeito no receptor para esse hormônio, causando hiperglicemia. Ambas doenças são crônicas, comumente acometendo um mesmo indivíduo, levando a hipótese de haver uma relação entre essas doenças. Em pacientes com DM2 a hiperglicemia crônica gera aumento em espécies reativas de oxigênio (EROS), que levam a disfunção endotelial com desregulação neurovascular e lesão vascular, esta última associada a neurodegeneração. O aumento na concentração de ROS em DM2 está envolvido também com disfunção mitocondrial e aceleração da deposição de Aβ no cérebro.


Keywords


Doença de Alzheimer, Diabetes Mellitus tipo 2, Demência, Hiperglicemia.

References


APRAHAMIAN, Ivan; MARTINELLI, José Eduardo; YASSUDA, Mônica Sanches. Doença de Alzheimer: Revisão da Epidemiologia e Diagnóstico. Rev Bras Clin. Campinas-SP, v.6, 2008.

ARAÚJO, Claudia Lysia de O.; NICOLI, Juliana Silva. Uma revisão bibliográfica das principais demências que acometem a população brasileira. Revista Kairós Gerontologia. São Paulo, v.13, n.1, junho 2010. p.231-44.

ARVANITAKIS, Zoe et al. Diabetes mellitus and risk of Alzheimer disease and decline in cognitive function. Archives of neurology. Estados Unidos, v.61, n.5, maio 2004. p.661-666.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ALZHEIMER. O que é Alzheimer. 2017. Disponível em: . Acesso em: 19 maio 2019.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ALZHEIMER. Fatores de risco. 2019. Disponível em: . Acesso em: 19 maio 2019.

CARRETTA, Marisa Basegio; SCHERER, Sabrina. PERSPECTIVAS ATUAIS NA PREVENÇÃO DA DOENÇA DE ALZHEIMER. Estud. interdiscipl. Envelhec. Porto Alegre, v.17, n.1, 2012. p. 37-57.

DIAS, K. S. T. et al. Aplicações Recentes da Abordagem de Fármacos Multialvo para o Tratamento da Doença de Alzheimer. Rev. Virtual Quim. Minas Gerais, v.7, n.2, 2015. p.609-648.

FALCO, Anna De et al. DOENÇA DE ALZHEIMER: HIPÓTESES ETIOLÓGICAS E PERSPECTIVAS DE TRATAMENTO. Quím. Nova. São Paulo, v.39, n.1, jan 2016.

GOMES JUNIOR, Salvador Viana et al. Revisão sobre a eficácia e segurança no uso de inibidores de cotransportadores de sódio-glicose-2 na fisiopatologia da diabetes mellitus tipo II. Braz. J. Hea. Rev. Curitiba, v.3, n.2, março/abril 2020. p.2544-2562.

MARTELLI, Anderson; MARTELLI, Fabiana Palermo. Alterações Cerebrais e Análise Histopatológica dos Emaranhados Neurofibrilares na Doença de Alzheimer. Uniciências. São Paulo, v.18, n.1, 2014.

OHARA, Makoto et al. Improvements of ambient hyperglycemia and glycemic variability are associated with reduction in oxidative stress for patients with type 2 diabetes. Diabetes Res Clin Pract. Reino Unido, v.139, maio 2018. p.253-261..

SALLES, Renata Freitas Nogueira. Associação da demência com intolerância à glicose e diabetes mellitus em função da presença ou não da resistência insulínica e marcadores inflamatórios em idosos. Dissertação (Mestrado em Ciências) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009.

SANTOS, Anna Luiza Morais et al. DOENÇA DE ALZHEIMER E DIABETES MELLITUS TIPO 2: QUAL A RELAÇÃO?. Rev Bras Neurol. Minas Gerais, v.53, n.4, out/nov/dez 2017. p.17-26.

SASHIDA, Vivian Tiemi; FONTES, Sissy Veloso; DRIUSSO, Patricia. RELAÇÃO ENTRE HIPERTENSÃO ARTERIAL E COGNIÇÃO. Rev Neurocienc. São Paulo, v.16, n.2, 2008. p.152-156.

SERENIKI, Adriana; VITAL, Maria Aparecida Barbato Frazão. A doença de Alzheimer: aspectos fisiopatológicos e farmacológicos. Rev Psiquiatr RS. Rio Grande do Sul, v.30, n.1, 2008.

SRIKANTH, Velandai et al. Type 2 diabetes and cognitive dysfunction—towards effective management of both comorbidities. The Lancet Diabetes & Endocrinology. v.8, n.6, junho 2020. p.535-545.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n6-055

Refbacks

  • There are currently no refbacks.