Osteopetrose - relato de caso / Osteopetrosis - case report

Agnes Yule Patrocínio, Victória Adne Patrocínio, Juliana Lima Araújo, Micaela Henriette Gaspar Souza, Victor Hugo Patrocínio, Felipe Fonseca Rego, Rodrigo Sevinhago

Abstract


Osteopetrose é uma doença rara, cujo osso do paciente se encontra de forma extremamente dura, por isso, também chamada de “osso de mármore”.  A patogenia ocorre devido à um prejuízo na reabsorção óssea. Possui caráter hereditário e geralmente é diagnosticada na primeira década de vida, o que possibilita um tratamento através de transplante da medula óssea. Contudo, quando diagnosticado mais tardiamente, como no caso relatado, não se faz necessário o transplante, por ser benigno e assintomático.


Keywords


Osteopetrose, Osso de Mármore, Transplante de Medula Óssea, Hereditário.

References


ECONS, M. J. Osteopetrosis Overview. The National Institutes of Health Osteoporosis and Related Bone Diseases – National Resource Center, v. 1 n.12-7828, 2012.

ATHAR, S. B. A.; ANDRADE, R. S.; BREMGARTNER, J. T. L. Osteopetrose Infantil: relato de caso. Revista Paraense de Medicina, v. 26, n.1, 2012.

BORSATO, M. L.; et al. Osteopetrose maligna: transplante de medula óssea. Revista Brasileira de Hematologia e Hemoterapia, v.30, n. 2, p. 168-171, 2008.

SHADUR, B.; et al. Successful hematopoietic stem cell transplantation for osteopetrosis using reduced intensity conditioning. Pediatric Blood And Cancer, v. 65, n. 6, 2018.

FREIRE, F. M.; et al. Osteopetrose A propósito de um caso clínico. Revista Portuguesa de Otorrinolaringologia, v. 39, n. 1, p. 73-83, 2001.

STARK, Z.; SAVARIRAYAN, R. Osteopetrosis. Orphanet Journal of Rare Diseases, v. 4, n. 5, 2009.

YADAV, S.; et al. Osteopetrosis in two siblings: two case reports. BMC Research Notes, v. 9, n. 55, 2016.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n6-007

Refbacks

  • There are currently no refbacks.