Acompanhamento das ações e serviços em uma equipe de saúde da família: Relato de experiência / Follow-up of actions and services in a family health team: Experience report

Izack Leite de Sousa Duarte, Beatriz Aires Cabral, Larissa Agripino Santos Brito, Anna Lívia Farias Viana, Vitória Guedes Angelo, João Marcelo Feitoza de Andrade, Lara Gabriela Furtado Carneiro de Almeida, João Victor Passos Bispo, Amanda de Andrade Porto Ramos, André Luís Araújo Borges, Yana Balduino de Araújo

Abstract


A estratégia de saúde da família é fundamental para reorientação da atenção básica, proposta pelo Ministério da saúde. Com isso, as unidades de saúde da família devem atuar com base nos princípios e diretrizes estabelecidos- a fim de garantir a qualidade de vida da população- como a integralidade e a territorialização, que buscam obter o diagnóstico de saúde, identificando o perfil epidemiológico e sociodemográfico das famílias, para atuar especificamente nos riscos e fragilidades do território em questão. Este estudo objetiva a descrição do acompanhamento do conjunto de ações e serviços prestados por uma equipe de saúde da família. Trata-se de um estudo qualitativo, descritivo do tipo relato de experiência, ocorrido em março de 2020, descrito por estudantes do primeiro período do curso de graduação em medicina da Faculdade de Ciências Médicas da Paraíba. Durante a vivência, os alunos realizaram visitas em domicílios e acompanharam a rotina da equipe de saúde da família em uma unidade de saúde da família do município de João Pessoa, Paraíba. Para a produção do relato foram utilizadas anotações, imagens, bem como discussão da experiência vivenciada. Tendo em vista a importância dessa vivência para a formação médica e aperfeiçoamento o conhecimento adquirido ao longo das aulas teóricas, os autores concluem que a compreensão do funcionamento das unidades de saúde por meio de atividades prática, o cotidiano e o atendimento nos territórios, que é de suma importância para o desenvolvimento acadêmico.

Keywords


Atenção primária à saúde, Equipe multiprofissional, Sistema único de saúde.

References


ARAÚJO, Marize Barros de Souza; ROCHA, Paulo de Medeiros. Trabalho em equipe: um desafio para a consolidação da estratégia de saúde da família. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, v. 12, n. 2, p. 455-464, abr. 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232007000200022&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 28 mai. 2020.

BEZERRA, Raíra Kirlly Cavalcante et al. A territorialização como processo de transformação: um relato de experiência. Revista Eletrônica Acervo Saúde, Fortaleza, n. 42, fev. 2020. Disponível em: https://acervomais.com.br/index.php/saude/article/view/2704/1421. Acesso em: 29 mai. 2020.

BRASIL. Ministério da Saúde. Saúde da Família: Uma estratégia para a reorientação do modelo assistencial. Brasília, 1997.

BRASIL. Ministério da Saúde. Portaria Nº2.436, de 21 de setembro de 2017. Aprova a Política Nacional de Atenção Básica, estabelecendo a revisão de diretrizes para a organização da Atenção Básica, no âmbito do Sistema Único de Saúde (SUS). Brasília, 2017. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/bvs/saudelegis/gm/2017/prt2436_22_09_2017.html. Acesso em: 8 mai. 2020.

FIGUEIREDO, Elisabeth Niglio de. A Estratégia Saúde da Família na Atenção Básica do SUS. Coleções da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), São Paulo, jan. 2012. Disponível em: http://ares.unasus.gov.br/acervo/handle/ARES/169. Acesso em: 08 mai. 2020.

GUSSO, G.D.F.; LOPES, J.M.C.; DIAS, L. C. Tratado de Medicina de Família e comunidade: princípios formação e prática. 2ª ed. Porto Alegre: Artmed, 2019.

PRODANOV, Cleber Cristiano; FREITAS, Ernani Cesar de. Metodologia do Trabalho Científico: Métodos e Técnicas da Pesquisa e do Trabalho Acadêmico. 2. ed. Novo Hamburgo, RS: Feevale, 2013.

SILVA JÚNIOR, Evanildo Souza da et al. Acessibilidade geográfica à atenção primária à saúde em distrito sanitário do município de Salvador, Bahia. Rev. Bras. Saúde Mater. Infant., Recife, v. 10, supl. 1, p. s49-s60, nov. 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-38292010000500005&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 30 mai. 2020.

VARGA, Cássia Regina Rodrigues et al. Relato de experiência: o uso de simulações no processo de ensino-aprendizagem em medicina. Rev. bras. educ. med., Rio de Janeiro, v. 33, n. 2, p. 291-297, jun. 2009. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-55022009000200018&lng=en&nrm=iso. Acesso em: 28 mai. 2020.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n5-092

Refbacks

  • There are currently no refbacks.