Ações de testagem rápida para o diagnóstico de infecção pelo vírus do HIV: uma revisão integrative / Rapid testing actions for the diagnosis of infection by the HIV virus: An integrative review

Catarina Izabel da Silva, Sônia Natal

Abstract


A busca pelo uso de testagem rápida para o diagnóstico do HIV são estratégias para efetivação da Política Nacional de Promoção da Saúde no Brasil. Como parte das ações pactuadas de enfrentamento à epidemia de HIV, o Brasil busca atingir a meta 90-90-90, a qual estabelece que, até 2020, 90% das pessoas com HIV sejam diagnosticadas, ampliando o acesso ao diagnóstico do HIV. Com objetivo de verificar se as ações da intervenção estão implantadas para que se alcance a meta 90-90-90 foi realizada uma revisão integrativa da literatura, no primeiro semestre de 2020, buscando estudos que utilizem processos avaliativos sobre a implantação do teste rápido para diagnóstico do HIV. A pesquisa foi realizada por meio de artigos e publicações científicas encontradas nas bases de dados Scielo, BVS (Lilacs, Medline), e Pubmed com abrangência temporal de 2010 a julho de 2020, utilizando-se os seguintes descritores: Avaliação em saúde, Avaliação de programas, HIV, Testagem. Atenderam aos critérios de seleção 09 artigos após criteriosa seleção em revisão integrativa da literatura, relacionados ao tema e foram utilizados como base teórica para a discussão do presente estudo. Conclui-se que as falhas na prevenção da transmissão vertical do HIV, a não utilização dos protocolos ministeriais e as limitações nos insumos como estrutura física e recursos humanos capacitados, corroboram para os desafios da implantação do teste rápido para diagnóstico da infecção pelo HIV nos serviços de saúde.


Keywords


Avaliação em saúde, Avaliação de programas, HIV, Testagem.

References


AN, J.A. et al. Supply-side dimensions and dynamics of integrating HIV testing and counselling into routine antenatal care: a facility assessment from Morogoro Region, Tanzania. BMC Health Services Research 2015. 15:451.

BATISTA, C.J.B. Avaliação da distribuição e do fluxo logístico dos testes rápidos para diagnostico da infecção pelo HIV após 10 anos de oferta no Sistema Único de Saúde pelo Ministério da Saúde. [Dissertação]. 2016. UFSC. Florianópolis. 90p.

BRASIL. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Manejo da Infecção pelo HIV em Adultos / Ministério da Saúde, Secretaria de Vigilância em Saúde, Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das Infecções Sexualmente Transmissíveis, do HIV/Aids e das Hepatites Virais. – Brasília: Ministério da Saúde, 2018. 412 p.

CHRISTOPOULOS, K.A. et al. A Comparative evaluation of the processo of developing and implementing an emergency department HIV testing program. Implementation Science. 2011. 6:30.

GOMES, D.M. OLIVEIRA, M.I.C. FONSECA, S.C. Avaliação da testagem anti-HIV no pré-natal e na assistência ao parto no Rio de Janeiro, Brasil. Rev. Bras. Saúde Matern. Infant., Recife, 2015. 15 (4): 413-423.

MORAES, J.T. NASCIMENTO, R.L.F. Planejamento estratégico e implantação dos testes rápidos de HIV, Sífilis e Hepatites Virais em uma capital brasileira: Relato de experiência. Rev. Bras. Promoção Saúde. Fortaleza, 2016. 29(1): 139-144.

ROCHA, K.B. CARVALHO, F.T. WEBER, J.L.A, BOTH, N.S. PIZZINATO, A. Impacto de la implementación de la prueba rápida del VIH/ITS en un centro de atención especializada en Brasil. Rev. Gerenc. Polit. Salud. 2016. 16(32): 108-119.

SILVA, I.T.S. VALENÇA, C.N. SILVA, R.A.R. Cartografia da implementação do teste rápido anti-HIV na Estratégia Saúde da Família: perspectiva de enfermeiros. Escola Anna Nery. 2017. 21(4):e20170019.

SANTOS, E.M. REIS, A.C. WESTMAN, S. ALVES, R.G. Avaliação do grau de implantação do programa de controle da transmissão vertical do HIV em maternidades do “Projeto Nascer”. Epidemiol. Serv. Saúde. Brasília, 2010. 19(3): 257-269.

SOBREIRA, P.G.P. VASCONCELLOS, M.T.L. PORTELA, M.C. Avaliação do processo de aconselhamento pré-teste nos Centros de Testagem e Aconselhamento (CTA) no Estado do Rio de Janeiro: a percepção dos usuários e profissionais de saúde. Ciência e Saúde Coletiva. 2012. 17(11): 3099-3113.

UNAIDS. Relatório Informativo – Dia Mundial Contra a Aids 2018. Estatísticas Globais Sobre HIV, 2019.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n5-017

Refbacks

  • There are currently no refbacks.