Educação em saúde alimentar para pais ou responsáveis de crianças e adolescentes em sala de espera da Unidade Básica de Saúde do Mangueirão, Belém – PA / Food health education for parents or guardians of children and adolescents in the waiting room of the Basic Health Unit of Mangueirão, Belém - PA

Ana Claudia Alves Damasceno, Leonardo Rogério Nazaré Quintella, Alberto Sampaio Marques, Ana Carolina Damasceno Corrêa, Karolyne Bezerra de Oliveira

Abstract


Objetivo geral: Avaliar opinião de pais ou responsáveis de crianças e adolescentes quanto uma ação de educação alimentar em sala de espera de uma unidade básica de saúde (Unidade do Mangueirão) na periferia de Belém- PA, segunda maior metrópole na região Amazônica, no Norte do Brasil. Método: estudo transversal, questionário aplicado a 50 pais ou responsáveis por crianças e adolescentes, após assistirem à atividade de educação em saúde alimentar (palestra seguida de roda de conversa, duração entre 20 a 30 minutos “A importância da alimentação saudável de crianças e adolescentes para prevenção de doenças na idade adulta” e distribuição de folders com os “10 passos da alimentação saudável para crianças e adolescentes, recomendados pelo Ministério da Saúde do Brasil, no Guia Alimentar”) realizada por alunos do 8ºsemestre de medicina de uma faculdade privada, sob orientação docente. Resultados: a maioria dos participantes tinham idade entre 26 e 35 anos, do sexo feminino, com ensino médio completo, mães ou avós, do lar, que eram as responsáveis por compra e preparo das refeições da família, a renda familiar baixa, com média de 2 crianças e 1 adolescente por família, consideraram que alimentação servida era “saudável” na maioria das vezes, porém admitiram que os principais entraves para que fosse mais saudável fosse o hábito alimentar arraigado dos adultos e dificuldades financeiras; atribuíram à atividade realizada pelos alunos o conceito excelente, e, relataram que informações novas foram repassadas. Conclusão: A atividade realizada de educação em saúde alimentar foi avaliada como excelente grande maioria dos participantes do estudo e a sala de espera da unidade básica de saúde, mostrou-se adequada como mais um cenário que oportuniza essas atividades.

 


Keywords


educação em saúde alimentar, saúde nutricional, crianças e adolescentes

References


AMARAL JS, LEÃO L.P. O conhecimento dos pais na importância da alimentação. FUVEST, 2017 http://www.bibliotecadigital.funvicpinda.org.br:8080/jspui/bitstream/123456789/509/1/AmaralLeao.pdf

BACARIN, Valéria; SCHMIDT, Vanessa; BUSNELLO, Maristela Borin; FERREIRA, Pâmela Fantinel. Educação nutricional em sala de espera: Um Relato de Experiência. REVISTA CONTEXTO & SAÚDE IJUÍ EDITORA UNIJUÍ v. 15 n. 29 JUL./DEZ. 2015 p. 58-62

BARBOSA LB. Estudos de avaliação do conhecimento nutricional de adultos: uma revisão sistemática. Ciência & Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, v. 21, n. 2, p. 449-462, fev. 2016.

BECKER, Ana Paula Sesti; ROCHA, Natália Lorenzetti da. Ações de promoção de saúde em sala de espera: contribuições da Psicologia. Mental, Barbacena , v. 11, n. 21, p. 339-355, dez. 2017 . Disponível em . acessos em 24 nov. 2018.

BAEK YJ, PAIK HJ, Shim JE. Association between family structure and food group intake in children. Nut Res Pract. 2014;8(4):463-8

BENTO, Isabel Cristina; ESTEVES, Juliana Maria de Melo; FRANÇA, Thaís Elias. Alimentação saudável e dificuldades para torná-la uma realidade: percepções de pais/responsáveis por pré-escolares de uma creche em Belo Horizonte/Mg, Brasil. Ciência e Saúde Coletiva, 20(8):2389-2400,2015. Disponível em: Acesso em: 5 dez. 2018.

BEZERRA, Carlos Winston Guedes; SIQUEIRA, Lucy Mary Barros. Enquanto a gente espera: histórias de saúde-doenças-cuidados em uma unidade básica de saúde.Rev. Subj. (Impr.); 14(2): 217-224, ago. 2014.

BRASIL. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Manual operacional para profissionais de saúde e educação: promoção da alimentação saudável nas escolas. Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Atenção Básica. – Brasília: Ministério da Saúde, 2008

______MINISTÉRIO DA SAÚDE. Ministério do Desenvolvimento Social– MDS Secretaria Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional – SESAN

Princípios e Práticas para Educação Alimentar e Nutricional. 2009

______MINISTÉRIO DA SAÚDE. Secretaria de Vigilância em Saúde. Departamento de Análise de Situação de Saúde. Plano de ações estratégicas para o enfrentamento das doenças crônicas não transmissíveis (DCNT) no Brasil 2011-2022.Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2011

_______MINISTÉRIO DA SAÚDE. Dez passos para uma alimentação saudável: guia alimentar para crianças menores de dois anos: um guia para o profissional da saúde na atenção básica. Brasília: Ministério da Saúde, 2013. 72 p: il.

______MINISTÉRIO DA SAÚDE. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Política nacional de alimentação e nutrição. Brasília: Ministério da Saúde, 2013. 86p. 1ª ed

_______ MINISTÉRIO DA SAÚDE. Desmitificando dúvidas sobre alimentação e nutrição: material de apoio para profissionais de saúde. Brasília, DF: Ministério da Saúde, 2016.

_______MINISTÉRIO DA SAÚDE. Guia alimentar para a população brasileira.Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Atenção Básica. Coordenação Geral de Alimentação e Nutrição. 2014. Disponível no site: www.foodpolitics.com,brazils-detary-guideline

s_2014.pdf. Acesso em 30/07/2018.

CAÍRES Letícia Silva e VIEIRA, Graciete Oliveira . Alimentação complementar até os 2 anos: concordâncias e divergências na literatura. 2017. Acesso http://periodicos.uefs.br/index.php/semic/article/viewFile/2574/1958 em 11 jan 2019.

CHAGAS, Cláudia. Alimentação saudável das frutas aos nuggets. MINISTÉRIO DA SAÚDE, BIBLIOTECA VIRTUAL DA SAÚDE, 2015.

CERVATO-MANCUSO, A.M; VINCHA,K.R.R.; SANTIAGO, D.A. Educação Alimentar e Nutricional como prática de intervenção: reflexão e possibilidades de fortalecimento. Physis Revista de Saúde Coletiva, Rio de Janeiro, 26 [ 1 ]: 225-249, 2016

CLARO, Rafael Moreira; SANTOS, Maria Aline Siqueira; OLIVEIRA, Taís Porto; PEREIRA, Cimar Azeredo; SZWARCWALD,Célia Landmann; MALTA Deborah Carvalho .Consumo de alimentos não saudáveis relacionados a doenças crônicas não transmissíveis no Brasil: Pesquisa Nacional de Saúde, 2013. Epidemiol. Serv. Saúde,Brasília, 24(2): 257-265, abr-jun 2015

COELHO, Helena Martins; PIRES, António Prazo. Relações familiares e comportamento alimentar. Psic.: Teor. e Pesq., Brasília , v. 30, n. 1, p. 45-52, Mar. 2014 . Available from . access on 11 Jan. 2019. http://dx.doi.org/10.1590/S0102-37722014000100006

COSTA Maria da Graça ferreira Aparício; NUNES, Maria Madalena de Jesus Cunha; DUARTE, João Carvalho; PEREIRA, Anabela Maria Sousa. Conhecimento dos pais sobre alimentação: construção e validação de um questionário de alimentação. Revista de Enfermagem Referência - III - n.° 6 – 2012.

COZER, C.; PISCIOLARO, F. Comer em Família: Será que os Pais têm uma Prática Saudável à Mesa?– ABESO 58 – 15 agosto 2012.

DA CUNHA Camile et al.,. O CONHECIMENTO DOS PAIS SOBRE A IMPORTÂNCIA DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDÁVEL NA INFÂNCIA. PERSPECTIVA, Erechim. v. 42, n.157, p. 161-173, março/2018

DE CARVALHO, CA, et al.,. Consumo alimentar e adequação nutricional em crianças brasileiras: revisão sistemática. Revista Paulista de Pediatria [Internet]. 2015;33(2):211-221. Recuperado de: https://www.redalyc.org/articulo.oa?id=406039569014

DRAXTEN M, FULKERSON JA, FRIEND S, FLATTUM CF, SCHOW R. Parental role modeling of fruits and vegetables at meals and snacks is associated with children's adequate consumption. Appetite. 2014;78:1-7

EINLOFT, Ariadne Barbosa do Nascimento; COTTA, Rosângela Minardi Mitre; ARAÚJO, Raquel Maria Amaral. Promoção da alimentação saudável na infância: fragilidades no contexto da Atenção Básica. Ciência & Saúde Coletiva, 23(1):61-72, 2018.

ESTIMA CCP; LEAl GVS; ALVARENGA M; PHILLIPI ST. Comer em família: impacto no comportamento de crianças e adolescentes. IN: Alvarenga M; Scagliusi FB; Phillipi ST. Nutrição e transtornos alimentares: avaliação e tratamento. Barueri, SP: Manole, 2011. P 209-220.

FERREIRA, Sandra Roberta G.. Nutrição não sai de moda. Arq Bras Endocrinol Metab, São Paulo , v. 53, n. 5, p. 483-484, July 2009 . Available from. access on 24 Nov. 2018. http://dx.doi.org/10.1590/S0004-27302009000500001.

FRAGELLI, Camila Maria Bullio; SALOMÃO, Fernanda Gonçalves Duvra; VAZQUEZ, Fabiana de Lima; BRANDÃO, Gustavo Antônio Martins; MENEGHIM, Marcelo de Castro; PEREIRA, Antonio Carlos. Eficiência de um grupo de sala de espera na adesão do aleitamento materno exclusivo.. Odonto (Säo Bernardo do Campo); 19(38): 123-129, jul.-dez.2011. graf

FRANÇA, C.J; CARVALHO, V.C.H.S. Estratégias de educação alimentar e nutricional na Atenção Primária à Saúde: uma revisão de literatura. Saúde Debate, RIO DE JANEIRO, V. 41, N. 114, P. 932-948, JUL-SET 2017.

JULYANA GDS, Maria LDOT, Márcia DAF. Alimentação na adolescência e as relações com a saúde do adolescente. Texto e Contexto Enfermagem, v. 23, n. 4, p. 1095-1103; 2014.

GEBREMARIAM, Mekdes K; et al. Perceived rules and accessibility: measurement and mediating role in the association between parental education and vegetable and soft drink intake.

.Nutr J; 15(1): 76, 2016 08 17.

GIL, Maria Dias; CACCIARI, Pâmella; CAZAÑAS, Eduardo Fuzzeto; MAIA, Maria Rita Guimarães. Contribuições de atividades educativas realizadas na sala de espera para o acadêmico de enfermagem. Rev. enferm. Cent.-Oeste Min; 8mar. 2018.

GUERRA, Adriana Queiroga Sarmento. Alimentação infantil: representações sociais de mães e avós. João Pessoa; s.n; 2014. 74 p. ilus, tab.

GUIMARÃES, Larissa Machado; OLIVEIRA, Daniela Soares. Influência de uma alimentação saudável para longevidade e prevenção de doenças. Interciência &Sociedade – vol.3, N.2,2014

IBGE-PNAD 2018. Indicadores sociais 2018. https://www.ibge.gov.br/estatisticas-novoportal/sociais/populacao/9221-sintese-de-indicadores-sociais.html?=&t=downloads

JAIME PC, Prado RRD, Malta DC. Family influence on the consumption of sugary drinks by children under two years old. Rev Saúde Pública. 2017;51(Suppl 1):13s.

LELIS CT, TEIXEIRA KMD, SILVA NM. A inserção feminina no mercado de trabalho e suas implicações para os hábitos alimentares da mulher e de sua família. Saúde em Debate 2012; 36(95):523-532.

LEIRAS, E.M.V. Comportamento alimentar da criança: a influência materna. Dissertação de Mestrado. Instituto Politécnico de Viana do Castelo. 2015

LIMEIRA, M.E.O; HENRIQUE,M.S.; BARBOSA, A.S; QUEIROGA,V.E; CAVALCANTI, F.R.R. Sala de espera como ferramenta para Educação e Saúde na Atenção Básica. Revista brasileira de ciências da saúde. Vol 18, sup1, 59-62, 2014.

LINHARES Francisca Michelli Medeiros, et al. Obesidade infantil: influência dos pais sobre a alimentação e estilo de vida dos filhos. Temas em Saúde. Volume 16, Número 2 ISSN 2447-2131 João Pessoa, 2016

LORENZATO, L. Avaliação de atitudes, crenças e práticas de mães em relação à alimentação e obesidade de seus filhos através do uso do Questionário de Alimentação da Criança (QAC). A pesquisa foi apresentada em 2012 na Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto (FFCLRP) da USP

MAYER, A. P. F.; WEBER, L. N. D.; TON, C. T. Perfis parentais com base nas práticas educativas e alimentares: análises por agrupamento. Revista Psicologia, Saúde & Doenças, v. 15, n. 3, dez. 2014.

MAGALHÃES, A.P.A; MARTINS, K.C; CASTRO, T.C. Educação alimentar e nutricional crítica: reflexões para intervenções em alimentação e nutrição na atenção primária à saúde. REME - Rev Min Enferm.; 16(3):311-314, Jul/Set, 2012

MARTINEZ, Sílvia. A nutrição e a alimentação como pilares dos programas de promoção da saúde e qualidade de vida nas organizações.Artigo de Revisão. O Mundo da Saúde, 37(2):201-207São Paulo - 2013;

MEDINA, M. G.; AQUINO, R.; VILASBÔAS, A. L. Q.; MOTA, E.; PINTO JUNIOR, E. P.; LUZ, L. A.; ANJOS, D. S. O.; PINTO, I. C. M. Promoção da saúde e prevenção de doenças crônicas: o que fazem as equipes de saúde da família?. Artigo original. SAÚDE DEBATE| RIO DE JANEIRO, V. 38, N. ESPECIAL, P. 69-82, OUT 2014.

MELO KM, et al. Influência dos pais no excesso de peso infantil. Escola Anna Nery 21(4) 2017

MELO, Karen Muniz et al . Influence of parents' behavior during the meal and on overweight in childhood. Esc. Anna Nery, Rio de Janeiro , v. 21, n. 4, e20170102, 2017 . Available from . access on 11 Jan. 2019. Epub Sep 28, 2017. http://dx.doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2017-0102.

MENEZES Luciana Silva de Paiva ; MEIRELLEST, Marcelo ; WEFFORT.Virgínia Resende Silva. A alimentação na infância e adolescência: uma revisão bibliográfica. Revista Médica de Minas Gerais 2011; 21(3 Supl1): S1-S144 8

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO. Secretaria de educação básica. Módulo 10: Alimentação e nutrição no Brasil. Brasília: Universidade de Brasília; 2009.

MOREIRA, Patrícia Regina Silva; et al. Análise crítica da qualidade da dieta da população brasileira segundo o Índice de Alimentação Saudável: uma revisão sistemática / Critical analysis of the diet quality of the Brazilian population according to the Healthy Eating Index: a systematic reviewCiênc. Saúde Colet; 20(12): 3907-3923, Dez. 2015. tab, graf

NOBRE, Érica Bezerra; BRENTANI, Alexandra Valéria Maria; FERRARO, Alexandre Archanjo. Association between maternal lifestyle and preschool nutrition. Rev. Assoc. Med. Bras., São Paulo , v. 62, n. 6, p. 494-505, Sept. 2016 . Available from . access on 11 Jan. 2019. http://dx.doi.org/10.1590/1806-9282.62.06.494.

OLIVEIRA, A. S. et al. Hábitos alimentares de pré-escolares: a influência das mães e da amamentação. Revista de Nutrição, Campinas, 2012.

PEREIRA, Cláudia Madeira; SILVA, Adelina Lopes da; SA, Maria Isabel de. Fatores que influenciam os comportamentos alimentares: questionário das escolhas alimentares dos adolescentes. Psic., Saúde & Doenças, Lisboa , v. 16, n. 3, p. 421-438, dez. 2015 . Disponível em . acessos em 25 nov. 2018.

PONTES, AMO; ROLIM, HJP; TAMASIA, GA. A importância da Educação Alimentar e Nutricional na prevenção da obesidade em escolares [artigo]Registro: Faculdades Integradas do Vale do Ribeira, 2016

PORTAL DA EDUCAÇÃO. Sala de espera um espaço de educação para a promoção da saúde. 2018.

PIASETZI C.T.R; BOFF,E.T. Educação alimentar e nutricional e a formação de hábitos alimentares na infância Contexto & Educação Editora Unijuí • ISSN 2179-1309 • Ano 33 • nº 106 • Set./Dez. 2018

REIS, Francine Vieira, et al. Educação em saúde na sala de espera - relato de experiência.Rev. méd. Minas Gerais; 24(supl.1)fev. 2014.

REIS, Inês Nascimento de Carvalho; SILVA, Ilda Lopes Rodrigues; UN, Julio Alberto Wong. Espaço público na Atenção Básica de Saúde: Educação Popular e promoção da saúde nos Centros de Saúde-Escola do Brasil / Public space in Primary Health Care: Popular Interface comun. saúde educ; 18(supl.2): 1161-1173, 01/2015.

RIGON, Silvia do Amaral; SCHMIDT, Suely Teresinha; BÓGUS, Cláudia Maria. Desafios da nutrição no Sistema Único de Saúde para construção da interface entre a saúde e a segurança alimentar e nutricional / Nutritional challenges in the Brazilian Unified National Health System for building the interface between health and food and nutritional security / Desafíos de la nutrición en el Sistema Único de Salud brasileño para la construcción de la interfaz entre la salud y seguridad alimentaria y nutricional. Cad Saude Publica; 32(3): e00164514, 2016.

RODRIGUES, Andréa Dornelles , DALLANORA, Carlise Rigon; ROSA, Jonathan da; GERMANI, Alessandra Regina Müller . Sala de espera: Um ambiente para efetivar a educação em saúde.Vivências: Revista Eletrônica de Extensão da URIISSN 1809-1636 Vivências. Vol.5, N.7: p.101-106, Maio/2009.Acessadoem06/05/2015.Disponívelem:

RODRIGUES, Vanessa Mello; FIATES, Giovanna Medeiros Rataichesck. Hábitos alimentares e comportamento de consumo infantil: influência da renda familiar e do hábito de assistir à televisão. Rev. Nutr., Campinas , v. 25, n. 3, p. 353-362, June 2012 . Available from . access on 11 Jan. 2019. http://dx.doi.org/10.1590/S1415-52732012000300005.

ROSSI, A.; MOREIRA, E. A. M.; RAUEN, M. S. Determinantes do comportamento alimentar: uma revisão com enfoque na família. Revista de Nutrição, Campinas, 21(6):739-748, 2008.

SANTOS, Lígia Amparo da Silva. O fazer educação alimentar e nutricional: algumas contribuições para reflexão. Ciência e Saúde Coletiva 17(2):453-462, 2012.

SANTOS KA dos , PÉRSIO AA, BRITO PC de, MA de Assis O papel dos pais na inserção de hábitos alimentares saudáveis e brincadeiras na rotina familiar. - umc.br. 2014.

SILVA GA, Costa KA, GIUGLIANI ER. Infant feeding: beyond the nutritional aspects. J Pediatr (Rio J). 2016;92(3 Suppl 1):S2-7

TOMAZONI, Ana Maria Ruiz.Práticas e reflexões sobre educação alimentar: uma narrativa interdisciplinar. Tese de doutorado. Programa de Educação/Currículo. São Paulo: PUC/SP,2014.200fls.Tese de Doutorado

SOCIEDADE BRASILEIRA DE PEDIATRIA (SBP). Manual de orientação para a alimentação do lactente, do pré-escolar, do escolar, do adolescente e na escola. 3. Ed. Rio de Janeiro: SBP, 2012. 148 p.

TEIXEIRA, Enéas Rangel; VELOSO, Raquel Coutinho. O grupo em sala de espera: território de práticas e representações em saúde. Texto contexto enferm.,Florianópolis , v. 15, n. 2, p. 320-325, jun20.Acessadoem06/05/2015.Disponívelemhttp://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S010407072006000200017&lng=pt&nrm=iso

THAINARA Vanessa da Costa Lima Xavier; Juliana FERREIRA. A IMPORTÂNCIA DA EDUCAÇÃO NUTRICIONAL NA INFÂNCIA Rev. Conexão Eletrônica – Três Lagoas, MS - Volume 15 – Número 1 – Ano 2018

VALLE Janaína Mello Nasser, EUCLYDES Marilene Pinheiro. A formação dos hábitos alimentares na infância: uma revisão de alguns aspectos abordados na literatura nos últimos dez anos. Revista APS, v.10, n.1, p. 56-65, jan./jun. 2007

VEGA, J. B.; POBLACION, A. P.; TADDEI, J. A. A. C. Fatores associados ao consumo de bebidas açucaradas entre pré-escolares brasileiros: inquérito nacional de 2006. Ciência & Saúde Coletiva, 20(8):2.371-2.380, 2015

WILD, Camila Fernandes; SILVEIRA, Andressa da; ROSA, Elisa de Oliveira; FAVERO, Natalia Barrionuevo; GUETERRES, Évilin Costa; LEAL, Silvia Diglio de Souza. Educação em saúde na sala de espera de uma policlínica infantil: relato de experiência. Rev. enferm. UFSM; 4(3): 660-666, jul.- set. 2014.

WORLD HEALTH ORGANIZATIOn (WHO). The Ottawa charter for health promotion. Ottawa: WHO; 1986.

YI HL, Martin TS. Comportamento alimentar de bebês e crianças pequenas e seu impacto sobre o desenvolvimento psicossocial e emocional da criança. San Diego: University of California; 2011.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n4-149

Refbacks

  • There are currently no refbacks.