Avaliando conhecimentos sobre hanseníase e tuberculose na atenção primária em comunidade de Ananindeua/PA / Assessing knowledge about leprosy and tuberculosis in primary care in the community of Ananindeua/PA

Mário Roberto Tavares Cardoso de Albuquequerque, Mateus de Sousa Borges

Abstract


Introdução: a hanseníase é uma patologia infecciosa de característica crônica ocasionada pelo Mycobacterium leprae. A predileção pela pele e nervos periféricos confere características peculiares a esta moléstia, tornando o seu diagnóstico simples de verificado em uma avaliação clínica. O número de casos novos registrados no ano no país tem se mantido estável, no entanto o fator que preocupa é a incidência oculta, definida como os casos novos esperados que não estejam sendo diagnosticados ou o são notificados tardiamente. Por sua vez, outra doença infectocontagiosa incidente na população mundial é a tuberculose. Ela é causada pelo Mycobacterium tuberculosis ou Bacilo de Koch, tendo uma afinidade pelo parênquima pulmonar, criando cavitações com apresentações clínicas bem marcantes. O Brasil notificou 68 mil casos novos de tuberculose em 2014, e essa elevada incidência faz com que o mesmo ocupe a 16ª posição em número de casos entre os 22 países de alta carga da doença. Por tanto, embora a Hanseníase e a Tuberculose sejam doenças antigas e com diagnósticos notáveis, ainda existe carência de informações pela população em geral, sobretudo em áreas mais vulneráveis como a do presente estudo. Objetivo: Relatar experiência de alunos de medicina durante ação educativa acerca dos principais aspectos referentes a Tuberculose e Hanseníase em comunidade de Ananindeua/PA em 2018. Método: A atividade sobre hanseníase e tuberculose foi realizada em centro comunitário na área de abrangência de uma UBS em Ananindeua/PA, por acadêmicos do 3º semestre do curso de medicina com 20 participantes, incluindo jovens, adultos e idosos da área. Por se tratar de um conteúdo denso e repleto de mistificações, exigia-se uma abordagem mais interativa e dinâmica a respeito do tema. Foi construído um teste contendo oito questões, sendo seis de múltipla escolha contendo cinco alternativas e duas questões de verdadeiro e falso, fazendo uso de expressões de fácil entendimento sobre o conceito das determinadas patologias, as formas de transmissão, sinais e sintomas. Resultados e Discussão: Através do teste avaliativo, quebrou-se um paradigma entre a comunidade e os estudantes, com o intuito de exemplificar as informações requeridas. Ademais, percebeu-se que comunidade possuía maior conhecimento prévio acerca da tuberculose comparado a hanseníase, nos quesitos das fases clinicas, conceituações e ate mesmo orientações sobre possíveis tratamentos. Conclusão: nesse contexto, observou-se que essa didática aplicada ofereceu um maior suporte e confiança para os participantes demonstrarem seu grau de aprofundamento sobre tais patologias e, posteriormente acrescentar essas discussões realizadas na mudança de pensamento tendo um impacto social visto como positivo após essa implementação da atividade na área reportada.

 


Keywords


educação em saúde, tuberculose, hanseníase, estudantes de medicina.

References


Araújo Marcelo Grossi. Hanseníase no Brasil. Rev. Soc. Bras. Med. Trop. [Internet]. 2003 June [cited 2020 June 16] ; 36( 3 ): 373-382. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0037-86822003000300010&lng=en. http://dx.doi.org/10.1590/S0037-86822003000300010.

Fortunato Cibelly Nunes, Silva Ana Cristina Oliveira e, Mendes Micheline da Silveira, Silva Júnior Sérgio Vital da, Silva Allan Batista, Freire Maria Eliane Moreira. Calidad de vida de las personas con enfermedad de Hansen asistidas en un hospital de referencia, Paraíba-Brasil. Enferm. glob. [Internet]. 2019 [citado 2020 Jun 17] ; 18( 56 ): 119-158. Disponible en: http://scielo.isciii.es/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1695-61412019000400005&lng=es. Epub 23-Dic-2019. http://dx.doi.org/10.6018/eglobal.18.4.342601.

Giulia Ugucioni Garbelini, Isabela Galliazzi Paiva, Paulo Appollonio Filho, Lucas Pires Martins Ferreira, André Vinícius de Oliveira, José Jairo Cruvinel Santiago, Rodolfo Farinha Bittar, Fernando Martins Cruvinel. Análise do perfil epidemiológico das formas de apresentação da hanseníase no estado de Goiás. Brazilian Journal of health Review. 2020. [citado em Jun 16]; Vol 3, n2. Available from: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n2-101.

Silvestre Maria do Perpétuo Socorro Amador, Lima Luana Nepomuceno Gondim Costa. Hanseníase: considerações sobre o desenvolvimento e contribuição (institucional) de instrumento diagnóstico para vigilância epidemiológica. Rev Pan-Amaz Saude [Internet]. 2016 Dez [citado 2020 Jun 16] ; 7( esp ): 93-98. Disponível em: http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S2176-62232016000500093&lng=pt. http://dx.doi.org/10.5123/s2176-62232016000500010.

Antônio Francisco Nogueira , Victor Facchinetti , Marcus Vinícius Nora de Souza , Thatyana Rocha Alves Vasconcelos.Tuberculose: uma abordagem geral dos principais aspectos. Rev. Bras. Farm. [Internet]. 2012. Set. 93(1). Available from: http://www.rbfarma.org.br/files/rbf-2012-93-1-1.pdf

BARRETO, A.M.W., et al. Diagnóstico. In: PROCÓPIO, M.J., org. Controle da tuberculose: uma proposta de integração ensino-serviço [online]. 7th ed. rev. and enl. Rio de Janeiro: Editora FIOCRUZ, 2014, pp. 145-229. ISBN: 978-85-7541-565-8. Available from: doi: 10.7476/9788575415658.0009. Also available in ePUB from: http://books.scielo.org/id/zyx3r/epub/procopio-9788575415658.epub.

Chaves Emanuele Cordeiro, Carneiro Irna Carla do Rosário Souza, Santos Maria Izabel Penha de Oliveira, Sarges Nathália de Araújo, Neves Eula Oliveira Santos das. Aspectos epidemiológicos, clínicos e evolutivos da tuberculose em idosos de um hospital universitário em Belém, Pará. Rev. bras. geriatr. gerontol. [Internet]. 2017 Feb [cited 2020 June 17] ; 20( 1 ): 45-55. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1809-98232017000100045&lng=en. https://doi.org/10.1590/1981-22562017020.160069.

Gustavo Nunes de Mesquita, Daniela Marcondes Gomes, Laisa Marcato Souza da Silva, Lilian Reinaldi Ribeiro, Bruna Porath Azevedo Fassarella, Luiz Henrique dos Santos Ribeiro, Ana Lucia Naves Alves, Julia Gonçalves Oliveira. Estratégia de combate à tuberculose na atenção primaria. Brazilian Journal of health Review. 2020. [citado em Jun 17]; Vol 3, n2. Available from: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n2-071.

Rosemberg José. Mecanismo imunitário da tuberculose síntese e atualização. Bol. Pneumol. Sanit. [Internet]. 2001 Jun [citado 2020 Jun 17] ; 9( 1 ): 35-59. Disponível em: http://scielo.iec.gov.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-460X2001000100005&lng=pt.

Anna Karynna Barbosa Gomes, Rafael de Azevedo Silva, Brenda Sussuarana Galvão, Cenilde da Costa Araújo, Filipe Pereira Gonçalo de Sousa, Giovanna Alcolumbre Leite, Nayana Mota Carvalho, Yan de Jesus Costa, Lorena Fecury Tavares, Bianca Barros Branco, Erica Furtado Azevedo Coelho, Santino Carvalho Franc. Plano de intervenção para melhorar o diagnóstico, tratamento e acompanhamento da hanseníase em uma estratégia saúde da família de Belém –Pa. Brazilian Journal of health Review. 2019. [citado em Jun 16]; Vol 2, n4. Available from: https://doi.org/10.34119/bjhrv2n4-105.

Romário de Sousa Gonçalves, Matheus Barros Carvalho, Thauani Carneiro Fernandes, Luzimar Silva Lima Veloso, Luana França dos Santos, Thaislane Rithele de Sousa, Ana Beatriz Alves Lopes, Ildjane Teixeira Moraes da Luz. Educação em saúde como estratégia de prevenção e promoção da saúde de uma unidade básica de saúde. Brazilian Journal of health Review. 2020. [citado em Jun 16]; Vol 3, n3. Available from: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n3-144.

Silva Jr. Jarbas Barbosa da. Tuberculose: Guia de Vigilância Epidemiológica. J. bras. pneumol. [Internet]. 2004 June [cited 2020 June 16] ; 30( Suppl 1 ): S57-S86. Available from: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-37132004000700003&lng=en. https://doi.org/10.1590/S1806-37132004000700003.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Vigilância em Saúde. Boletim Epidemiológico. Hanseníase. Brasília; Ministério da Saúde. 2018. [ acesso em 2020 jun 8]. Disponível em < https://www.saude.gov.br/images/pdf/2018/janeiro/31/2018-004-Hanseniase-publicacao.pdf.

Sandra Souza Lima, Antonio Carlos Rosário Vallinoto, Luiz Fernando Almeida Machado, Marluísa de Oliveira Guimarães Ishak, Ricardo Ishak. Análise espacial da tuberculose em Belém, estado do Pará, Brasil. Rev Pan-Amaz Saude. 2017; 8(2):57-65. Available from: http://revista.iec.gov.br. doi: 10.5123/S2176-62232017000200007.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n4-026

Refbacks

  • There are currently no refbacks.