Análise da composição nutricional do cardápio oferecido aos pré-escolares nas escolas da rede municipal de ensino de Conceição do Mato Dentro–MG / Analysis of the nutritional composition of the menu offered to preschoolers in schools in the municipal education system of Conceição do Mato Dentro – MG

Júnia Maximiano Santos Machado, Izabela Almeida Martins, Michelle Paula Rodrigues, Larissa Gomes Figueiredo, Raquel França Ferreira Mendes, Júlio Luiz Vieira, Eric Liberato Gregório, Daniela Almeida do Amaral

Abstract


A alimentação adequada na fase pré-escolar é fundamental para o crescimento e o desenvolvimento saudáveis sendo a escola parte importante desse processo. Este estudo objetivou analisar a composição química do cardápio oferecido aos alunos com idades entre 4 e 5 anos do município de Conceição do Mato Dentro-MG. Para a pesquisa foram analisados os cardápios das escolas da rede municipal em um período de 20 dias e os dados foram comparados com as referências do PNAE (2013). Foram avaliados os teores de energia, carboidratos, proteínas, lipídios, fibras, vitaminas A e C, magnésio, zinco, cálcio e ferro utilizando o software Avanutri. Os resultados revelaram que os valores de carboidrato, fibras, cálcio e ferro ficaram abaixo das recomendações. As fibras apresentaram valor de 4,1g ou 83,4% do recomendado. O cálcio apresentou valor de 36mg, o que representa 23% do estipulado pela legislação e o ferro de 1,7mg o que representa 85% de adequação. Os teores de proteína, lipídio, magnésio, zinco, vitamina A e C apresentaram valores acima do recomendado e o valor energético foi equivalente as recomendações do PNAE. Os resultados reforçam a importância do planejamento dietético para amenizar os riscos nutricionais e proporcionar a formação de hábitos e condutas alimentares saudáveis.

 

Palavras-chave: Alimentação escolar. Alimentos. Valor Nutritivo.


Keywords


Alimentação escolar. Alimentos. Valor Nutritivo.

References


ABRANCHES, M. V. et al. Assessment of diet adequacy at public and private daycare centers within the national program of school feeding. Nutrire: rev. Soc. Bras. Alim. Nutr. = J. Brazilian Soc. Food Nutr., São Paulo, SP, v. 34, n. 2, p. 43-57, ago. 2009. Disponível em: http://sban.cloudpainel.com.br/files/revistas_publicacoes/233.pdf. Acesso em 16 mar. 2020.

ALMEIDA, E. L. S. T. et al. Alimentação em unidades de educação infantil: planejamento, processo produtivo, distribuição e adequação da refeição principal. O Mundo da Saúde, São Paulo, v.39, n.3, p.333-344, 2015. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/periodicos/mundo_saude_artigos/Alimentacao_unidades_educacao.pdf . Acesso em 05 abr. 2020.

BEZ, A. Aceitação da alimentação e análise do cardápio escolar de uma Escola Municipal De Francisco Beltrão-PR. Revista da Associação Brasileira de Nutrição, São Paulo, v.8, n.2, p.12-19, 2017. Disponível em: https://www.rasbran.com.br/rasbran/article/view/268. Acesso em 09 Mai. 2019.

BOAVENTURA, P. S. et al. Avaliação qualitativa de cardápios oferecidos em escolas de educação infantil da grande São Paulo. Demetra, São Paulo, v. 8, n. 3, p.397-409 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-52732011000200005&lng=pt&tlng=pt. Acesso em 10 nov. 2019.

BOITO, T. et al. Avaliação de Cardápios de uma escola de Educação Infantil. Revista Contexto e Saúde, v. 19, n. 36, p. 14-19, 2019. Disponível em: https://www.revistas.unijui.edu.br/index.php/contextoesaude/article/view/8276. Acesso em 09 mai. 2020.

BRASIL. Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (Consea). Princípios e diretrizes de uma Política de Segurança Alimentar e Nutricional. Brasília: Positiva, 2004. Disponível em: http://www4.planalto.gov.br/consea/publicacoes/site/principios-e-diretrizes-de-uma-politica-de-seguranca-alimentar-e-nutricional/view. Acesso em 08 de nov. 2019.

BRASIL. Resolução/CD/FNDE nº 26, de 17 de junho de 2013. Dispõe sobre o atendimento da alimentação escolar aos alunos da educação básica no âmbito do Programa Nacional de Alimentação Escolar – PNAE. Diário Oficial da União, 2013. Disponível em: https://www.fnde.gov.br/acesso-a-informacao/institucional/legislacao/item/4620-resolu%C3%A7%C3%A3o-cd-fnde-n%C2%BA-26,-de-17-de-junho-de-2013. Acesso em 08 de nov. 2019.

CARVALHO, C. A. et al. Consumo alimentar e adequação nutricional em crianças brasileiras: revisão sistemática. Rev. Paulista de pediatria. São Paulo, v. 33 n. 2, p.211-221, Jun, 2015. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rpp/v33n2/pt_0103-0582-rpp-33-02-00211.pdf .Acesso em 08 nov. 2019.

DIAS, L. C. D. et al. Valor nutricional da alimentação escolar oferecida em uma rede municipal de ensino. Rev. Ciênc. Ext. São Paulo, v.8, n.2, p.134-143, 2012. Disponível em: https://ojs.unesp.br/index.php/revista_proex/article/view/562/674. Acesso em 06 abr. 2020.

DIAS, P. C. et al. Obesidade e políticas públicas: concepções e estratégias adotadas pelo governo brasileiro. Cad. Saúde Pública, vol.33, n.7, e00006016, Rio de Janeiro, 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2017000705001&lng=pt&tlng=pt. Acesso em 06 abr. 2020.

FERREIRA, H.G.R. ALVES, R. G. MELLO, S. C. R. P. O programa nacional de alimentação escolar (PNAE): Alimentação e Aprendizagem. Revista da Seção Judiciária do Rio de Janeiro, Rio de janeiro, v. 22, n. 44, p.90-113, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.30749/2177-8337.v2n44p90-113. Acesso em 03 abr. 2020.

GOMES, C.; FANHANI, A. P. Avaliação da Qualidade Nutritiva do Cardápio da Alimentação Escolar de Luiziana, PR. SaBios: Rev. Saúde e Biologia, Campos Mourão, v.9, n.3, p.53-61, 2014. Disponível em: http://revista2.grupointegrado.br/revista/index.php/sabios2/article/view/1709/631. Acesso em 20 mar. 2020.

GOMES, C. B. et al. Hábitos alimentares das gestantes brasileiras: revisão integrativa da literatura. Ciênc. saúde coletiva, Rio de Janeiro, v.24, n.6, p.2293-2305, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1415-52732009000600007. Acesso em 05 abr. 2020.

ISSA, R. C. et al. Alimentação escolar: planejamento, produção, distribuição e adequação. Rev Panam Salud Publica, v. 35, n.2, p.96-103. 2014. Disponível em: https://www.scielosp.org/article/rpsp/2014.v35n2/96-103/. Acesso em 05 abr. 2020.

LOPES, P.C.S. et al. Fatores de risco associados à obesidade e sobrepeso em crianças em idade escolar. Rev. bras. enferm., Brasília, v. 63, n. 1, p. 73-78, Fev. 2010. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0034-71672010000100012. Acesso em 16 mar. 2020.

MARTINELLI, S.S. et al. Composição dos cardápios escolares da rede pública de ensino de três municípios da região sul do Brasil: uma discussão perante a legislação. Demetra, Florianópolis, v.9, n.2, p.515-532, 2014. Disponível em:

https://doi.org/10.12957/demetra.2014.10070. Acesso em 16 mar. 2020.

MASCARENHAS, J. M. O.; SANTOS, J. C. Avaliação da Composição dos Cardápios e Custos da Alimentação Escolar da Rede Municipal de Conceição do Jacuípe/BA. Sitientibus, Feira de Santana, n.35, p.75-90, jul./dez. 2006. Disponível em: http://www2.uefs.br/sitientibus/pdf/35/avaliacao_da_composicao_nutricional.pdf. Acesso em 08 nov. 2019.

NEITZKE, L.; MOLINA, M. D. C. B.; SALAROLI, L. B. Adequação nutricional da alimentação escolar em município rural/Espírito Santo, Brasil. Nutrire: rev. Soc. Bras. Alim. Nutr. = J. Brazilian Soc. Food Nutr., São Paulo, SP, v. 37, n. 1, p. 1-12, abr. 2012. Disponível em:

https://doi.org/10.30749/2177-8337.v2n44p90-113. Acesso em 16 mar. 2020.

PEREIRA, A. S.et al. Estado nutricional de pré-escolares de creche pública: um estudo longitudinal. Cad. saúde coletiva, Rio de Janeiro,.v.21, n.2, p.140-147, 2013. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1414-462X2013000200007. Acesso em 16 mar. 2020.

QUEIROZ, A. K. Análise de cardápios de pré-escolares de escolas municipais de Assú-RN. Catussaba. Revista Científica da Escola da Saúde, Natal. a. 4, n. 3, p. 63-72, jun/set. 2015. Disponível em: https://repositorio.unp.br/index.php/catussaba/article/view/1141. Acesso em 05 abr. 2020.

ROCHA, N. P. et al. Análise do programa nacional de alimentação escolar no município de Viçosa, MG, Brasil. Revista de Saúde Pública, São Paulo, v.52, n.16, p.1-10, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.11606/s1518-8787.2018052007090. Acessado em: Acesso em 16 mar. 2020.

ROSSATO, B.M.; STORCK, C. R. Adequação Nutricional da Alimentação Escolar oferecida em Instituições de Ensino da Rede Estadual. Disciplinarum Scientia. Série: Ciências da Saúde, Santa Maria, v. 17, n. 1, p. 73-82, 2016. Disponível em: https://periodicos.ufn.edu.br/index.php/disciplinarumS/article/view/1910/1810. Acesso em 16 mar. 2020.

SANTOS, S. R. et al. As formas de gestão do programa nacional de alimentação escolar (PNAE). Rev. salud pública. Bogotá, v.18, n.2, p. 311-322, 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.15446/rsap.v18n2.41483. Acesso em 07 nov. 2011.

SARAIVA, E. B. et al. Panorama da compra de alimentos da agricultura familiar para o Programa Nacional de Alimentação Escolar. Ciênc. saúde coletiva [online]. v.18, n.4, p.927-935, 2013. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232013000400004&lng=pt&tlng=pt. Acesso em 16 mar. 2020.

SILVA, G. A.P.; COSTA, K. A. O.; GIUGLIANI, E. R. J. Alimentação infantil: além dos aspectos nutricionais. J. Pediatr. Rio de Janeiro., Porto Alegre, v.92, n.3, supl.1, p 2-7, Jun, 2016 . Disponível em: https://doi.org/10.1016/j.jped.2016.02.006. Acesso em 20 nov. 2019.

SILVA, M. M. D. C.; GREGÓRIO, E. L. Avaliação da composição nutricional dos cardápios da alimentação escolar das escolas da rede municipal de Taquaraçu de Minas-MG. HU Revista, Juiz de Fora, v.37, n.3. p.387-394, 2012. Disponível em: https://periodicos.ufjf.br/index.php/hurevista/article/view/1734. Acesso em 08 de nov. 2019.

SILVA, R. G. et al. Valor Nutricional da Merenda oferecida em uma Escola Municipal do Agreste Pernambucano. Revista Baiana de Saúde Pública, Salvador, v.38, n.2, p.404-416, 2014. Disponível em: http://rbsp.sesab.ba.gov.br/index.php/rbsp/article/view/657/1134. Acesso em 05 abr. 2020

SOUSA, A. A. et al. Perfil nutricional de crianças cadastradas no Sistema de Vigilância Alimentar e Nutricional da cidade do Crato/CE. Brazilian Journal of health Review., Curitiba, v.2, n.4, p.2941-2947, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.34119/bjhrv2n4-058. Acesso em 16 mar. 2020.

SOUZA, C. A.N. et al. Adequação nutricional e desperdício de alimentos em Centros de Educação Infantil. Ciência e saúde coletiva (online), Rio de Janeiro, v.23, n.12, p.4177-4188, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.1590/1413-812320182312.30742016. Acesso em 05 abr. 2020.

STORCK, C. R. et al. Folhas, talos, cascas e sementes de vegetais: composição nutricional, aproveitamento na alimentação e análise sensorial de preparações. Ciência Rural, Santa Maria, v.43, n.3. p.537-543, 2013. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S0103-84782013000300027. Acesso em 05 abr. 2020.

TORAL, N.; SLATER, B. Abordagem do modelo transteórico no comportamento alimentar. Ciência e saúde coletiva, Rio de Janeiro, v.12, n.6, p.1641-1650, 2007. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1413-81232007000600025 . Acesso em 16 mar. 2020.

VITOLO, M. R. Nutrição da gestação ao envelhecimento. 2ª Ed., Rio de Janeiro: Rubio, 2008.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n3-092

Refbacks

  • There are currently no refbacks.