Proposta de redução de desperdício de matéria-prima em uma indústria de batata pré-frita congelada / Proposal for reducing raw material waste in a frozen pre-fried potato industry

Beatriz Monteiro Mendes de Paula, Eugênio Pacceli Costa, Ricardo Batista Penteado, Luís Fernando Magnanini de Almeida

Resumo


A busca por melhorias no sistema produtivo de uma indústria de batata pré-frita congelada, localizada no alto paranaíba (minas gerais), motivou uma pesquisa-ação com objetivo de reduzir a quantidade de matéria-prima desperdiçada no setor de recebimento de matéria-prima. Foi utilizado o método dmaic, que significa “definir”, “medir”, “analisar”, “melhorar” e “controlar”, apoiado pelo desenvolvimento de hipóteses, testes e verificações em campo e utilização das ferramentas da qualidade. O estudo propôs a definição dos defeitos aceitáveis de matéria-prima e fez testes evidenciando que os defeitos externos (estéticos), presentes apenas na casca, poderiam ser reduzidos por uma nova passagem pelo processo na qual as batatas são descascadas. Por fim, concluiu que a incorporação de uma esteira adicional no processo contribuiria para economizar uma quantidade significativa de matéria-prima, estimada em mais de 120 mil reais anuais apenas em uma linha de produção. 

 


Palavras-chave


DMAIC, batata pré-frita, agroindústria.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRIETTA, J. M.; MIGUEL, P. A. C. Aplicação do programa Seis Sigma no Brasil: gestão da produção. São Carlos, 2007.

BRYMAN, A. Research methods and organization studies. Londres: Routledge, 1989.

BEHR, Ariel et al. Gestão da biblioteca escolar: metodologias, enfoques e aplicação de ferramentas de gestão e serviços de biblioteca: Ci. Inf., Brasília, vol 37 nº 2, p 32-42, 2008.

CARVALHO, M. M. Gestão da qualidade: teoria e casos. Rio de Janeiro: Elsevier, 2005.

CEPEA, Acordos Comerciais; Hortifruti Brasil, Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA) – ESALQ/ USP; Ano 18, nº 195, Novembro, 2019.

CEPEA, Anuário 2019-2020 – Retrospectiva 2019 e Perpespectiva 2020.; Hortifruti Brasil, Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (CEPEA) – ESALQ/ USP; Ano 18, nº 196, Janeiro, 2020

COUGHLAN, P.; COUGHLAN, D. Action research for operations management. International Journal of Operations & Production Management, v. 22; n. 2; pp. 220-240, 2002.

FERREIRA, et al. O Mercado da Batatas Congeladas no Brasil – Estudo de Caso: batatas maccain. Anais do XLVI Congresso da Sociedade Brasileira de Economia, Administração e Sociologia Rural. Rio Branco – Acre, 2008. Disponível em: Acesso em: 01 nov. 2019.

FRANKLIN, Yuri; NUSS, Luiz Fernando. Ferramenta de Gerenciamento. Resende: AEDB, Faculdade de Engenharia de Resende, 2006.

REIS, D. F. Seis Sigma: um estudo aplicado ao setor eletrônico. Dissertação (Mestrado em Engenharia de Produção). Programa de Pós-graduação em Engenharia de Produção, UFRGS, Porto Alegre, 2003.

REIS, T. Integração vertical: controlando todas as etapas do processo produtivo. São Paulo, 2019.

SCATOLIN, A. C. Aplicação da metodologia Seis Sigma na redução das perdas de um processo de manufatura. São Paulo, 2005.

THIOLLENT, M. Metodologia da pesquisa-ação. São Paulo: Cortez, 2007.

TURRIONI, J. N.; MELLO, C. H. P. Pesquisa-ação na engenharia de produção. In: CAUCHICK, P. A. M., Metodologia em pesquisa em engenharia de produção e gestão de operações. Campus: São Paulo, 2012.

VENDRUSCOLO, J. L; ZORZELLA, C. A. Processamento de batata (solanum toberosum L.): Fritura. Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, EMBRAPA. Revista da EMBRAPA 2002.

WATSON, G.H. Cycles of learning: observations of Jack Welch. ASQ Publication, Milwaukee, 2001.

WERKEMA, M. C. C. Criando a cultura Seis Si




DOI: https://doi.org/10.34140/bjbv3n1-035

Apontamentos

  • Não há apontamentos.