Estudo preliminar dos custos envolvidos na utilização potencial de ligas de titânio em stents coronarianos / Preliminary evaluation of the costs involved in the potential use of titanium alloys in coronary stents

Lucas Desiderio Ribeiro, Leonardo Contri Campanelli

Resumo


O conceito de desenvolvimento de novas ligas de Ti para utilização em stents coronarianos é recente e requer uma análise da viabilidade econômico-financeira em relação aos materiais clássicos. Este trabalho buscou avaliar os custos envolvidos nessa potencial aplicação, considerando o cenário de utilização no SUS e na rede privada. Mostrou-se que o preço de um stent representa uma parcela significativa do custo total de um procedimento de angioplastia, indicando que o preço da matéria-prima é de grande relevância. Embora atinjam os requisitos técnicos mecânicos e biológicos, muitas das novas ligas de Ti em desenvolvimento são constituídas por elementos que encarecem de forma considerável o material, praticamente inviabilizando a sua utilização. Algumas composições, por outro lado, apresentaram custos de mesma ordem de grandeza que os materiais clássicos.


Palavras-chave


custos, viabilidade, SUS, biomaterial, angioplastia.

Texto completo:

PDF

Referências


ABMED. Tabelas comparativas de preços. 2020. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2020.

ALIBABA. [S.I.] [2020?]. Disponível em: . Acesso em: 19 ago. 2020.

ALVES, A. R.; COUTINHO, A. R. The Evolution of the Niobium Production in Brazil. Mater. Res., v. 18, n. 1, p. 106-112, 2015.

CARRILLO, L. R. V. Estudo piloto do impacto da terapia antiproliferativa com everolimus administrado por via oral na diminuição de reestenose após implante de stent auto-expansível de nitinol para tratamento de lesões oclusivas da artéria femoral superficial. 2009. 102 f. Tese (Doutorado em Ciências) – Faculdade de Medicina, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2009.

CHO, K. et al. Development of High Modulus Ti-Fe-Cu Alloys for Biomedical Applications. Mater. Trans., v. 54, n. 4, p. 574-581, 2013.

COLLUCCI, C. Preço de stent para o coração varia de R$ 1.200,00 a R$ 38,5 mil no país. Folha de São Paulo, São Paulo, 15 dez. 2016. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2020.

COOPUS. Tabela de Procedimentos AMB. 2012. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2020.

CORREIA, M. F. Z.; CRUZ, L. G. Z.; SILVA, P. F. Principais desafios no suprimento para unidades hospitalares – uma abordagem com mapeamento de processos para análise de critérios de compra de materiais cirúrgicos. Braz. J. of Bus., v. 2, n. 3, p. 2272-2288, 2020.

FAGE, S. W. et al. Titanium: a review on exposure, release, penetration, allergy, epidemiology, and clinical reactivity. Contact Dermatitis, v. 74, n. 6, p. 323-345, 2016.

HALLAB, N. J. et al. Concentration- and composition-dependent effects of metal ions on human MG-63 osteoblasts. J. Biomed. Mater. Res., v. 60, n. 3, p. 420-433, 2002.

INDIAMART. [S.I.] [2020?]. Disponível em: . Acesso em: 19 ago. 2020.

KASTORI, R. R. et al. Rare Earth Elements – Yttrium and Higher Plants. Proc. Nat. Sci., v. 118, p. 87-98, 2010.

KESHTTA, A.; GEPREEL, M. A. Superelasticity Evaluation of the Biocompatible Ti-17Nb-6Ta Alloy. J. Healthc. Eng., v. 2019, p. 1-8, 2019.

LIMA, V. C. Cateterismo Cardíaco, Diagnóstico (Angiografia) e Terapêutico (Angioplastia) na Doença Arterial Coronária dos Pacientes Diabéticos. Arq. Bras. Endocrinol. Metab., v. 51, n. 2, p. 299-304, 2007.

LIN, J. et al. Novel Ti-Ta-Hf-Zr alloys with promising mechanical properties for prospective stent applications. Sci. Reports, n. 37901, p. 1-11, 2016.

MARTELEUR, M. et al. On the design of new β-metastable titanium alloys with improved work hardening rate thanks to simultaneous TRIP and TWIP effects. Scripta Mater., v. 66, n. 10, p. 749-752, 2012.

MELO, G. A. et al. Análise de viabilidade econômico-financeira de uma fábrica de queijos especiais. Braz. J. of Bus., v. 2, n. 2, p. 942-964, 2020.

METALARY. [S.I.] 2020. Disponível em: . Acesso em: 15 ago. 2020.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Sistema de Gerenciamento da Tabela de Procedimentos, Medicamentos e OPM do SUS (SIGTAP). Ago. 2020. Disponível em: . Acesso em: 17 ago. 2020.

MORAJEV, M.; MANTOVANI, D. Biodegradable Metals for Cardiovascular Stent Application: Interests and New Opportunities. Int. J. Mol. Sci., v. 12, n. 7, p. 4250-4270, 2011.

NUNES, W. P.; RODRIGUES, J. N. L. C. C. Análise de custos como ferramenta para tomada de decisão no setor industrial. Rev. Cient. Sem. Acad., v. 103, p. 1-10, 2017.

O’BRIEN, B.; STINSON, J.; CARROLL, W. Initial exploration of Ti-Ta, Ti-Ta-Ir and Ti-Ir alloys: Candidate materials for coronary stents. Acta Biomater., v. 4, n. 5, p. 1553-1559, 2008.

RODRIGUES, K. F. C.; ROZENFELD, H. Análise de Viabilidade Econômica. Universidade de São Paulo, São Paulo, 02 set. 2015. Disponível em: . Acesso em: 18 ago. 2020.

SANTOS, S. F.; FERRANTE, M. Selection methodologies of materials and manufacturing processes. Mater. Res., v. 6, n. 4, p. 497-492, 2003.

SOUSA, R. M. F. et al. Tântalo: Breve histórico, propriedades e aplicações. Educación Quím., v. 24, n. 3, p. 343-346, 2013.

SUN, F. et al. A new titanium alloy with a combination of high strength, high strain hardening and improved ductility. Scripta Mater., v. 94, p. 17-20, 2015.

TIAN, Y. et al. Microstructure, elastic deformation behavior and mechanical properties of biomedical beta-type titanium alloy thin-tube used for stents. J. Mech. Behav. Biomed., v. 45, p. 132-141, 2015.

TRADING ECONOMICS. Commodities. [S.I.] 2020. Disponível em: . Acesso em: 15 ago. 2020.

USGS. Commodity Statistics and Information. [S.I.] 2020. Disponível em: . Acesso em: 18 ago. 2020.

ZHANG, J. et al. Fabrication and characterization of a novel β metastable Ti-Mo-Zr alloy with large ductility and improved yield strength. Mater. Charac., v. 139, p. 421-427, 2018.




DOI: https://doi.org/10.34140/bjbv2n4-038

Apontamentos

  • Não há apontamentos.