Contabilidade de gestão em sintonia com o Business Intelligence (BI): estudo de caso / Management accounting in tune with Business Intelligence (BI): case study

Tiago Coser

Resumo


O ambiente organizacional tem demandado informações úteis e tempestivas em seus processos. Para tanto, pode buscar suporte na contabilidade de gestão e em sistemas de informações projetados para suportar a análise de dados. O objetivo do presente estudo é investigar as melhorias nos processos de negócio com o uso de informações disponibilizadas aos usuários por meio do sistema de informações de Business Intelligence (BI). Trata-se de uma pesquisa descritiva, com abordagem qualitativa, desenvolvida por meio de um estudo de caso único em uma indústria gráfica que implementou o sistema de BI. Os resultados indicam que as principais melhorias nos processos de negócio identificam-se no aperfeiçoamento e na criação de controles internos, no alinhamento dos processos de negócio aos objetivos da empresa e no estabelecimento de uma cultura de profissionalização. Observou-se participação ativa da contabilidade de gestão na modelagem de dados utilizados pelo sistema de BI, principalmente na padronização de cadastros no sistema ERP da empresa. O sistema de BI permitiu um fluxo de informações úteis e tempestivas aos usuários, reduzindo controles paralelos e não interligados, diante da percepção da importância de trabalhar com a mesma informação em todos os processos de negócio da empresa.


Palavras-chave


Contabilidade de gestão. Business Intelligence (BI). Processos de negócio. Informação.

Texto completo:

PDF

Referências


ANTHONY, R. N.; GOVINDARAJAN, V. Sistemas de controle gerencial. 12. ed. São Paulo: Mc Graw Hill, 2008.

BORGES, F. M.; PERIOTTO, Á. J. O uso do Business Intelligence como ferramenta estratégica: um estudo de caso em um Conselho Regional de Classe do Paraná. Caderno de Administração, v. 18, n. 2, p. 28-42, 2012.

CAVALCANTE, D. S.;LUCA, M. M. M.; PONTE, V. M. R.; GALLON, A. V. Características da controladoria nas maiores Companhias listadas na BM&FBOVESPA. Revista Universo Contábil, v. 8, n. 3, p. 113-134, 2012.

CHEN, H.; CHIANG, R.; STOREY, V. C. Business Intelligence and Analytics: From Big Data to Big Impact. MIS Quarterly, v. 36, n. 4, 2012.

COLLINS, J.; HUSSEY, R. Pesquisa em administração. 2º ed. Porto Alegre: Bookman, 2005.

DUAN, L.; DA XU, L.Business intelligence for enterprise systems: a survey. Industrial Informatics, IEEE Transactions on, v. 8, n. 3, p. 679-687, 2012.

FONSECA, A. C. P. D. D. Sistemas de controle gerencial e cultura brasileira: uma análise do modelo Anthony. ABCustos Associação Brasileira de Custos - Vol. 2 n. 1 , jan/Abr 2007.

FULLERTON, R. R.; KENNEDY, F. A.; WIDENER, S. K. Management accounting and control practices in a lean manufacturing environment. Accounting, Organizations and Society, v. 38, n. 1, p. 50-71, 2013.

ISIK, O.; JONES, M. C.; SIDOROVA, A. Business intelligence success: the roles of BI capabilities and decision environments. Information & Management, v. 50, n. 1, p. 13-23, 2013.

LEE, J.; ELBASHIR, M. Z.; MAHAMA, H.; SUTTON, S. G. Enablers of top management team support for integrated management control systems innovations. International Journal of Accounting Information Systems, v.15, p.1-25, 2014.

LUNKES, R. J.; RIPOLL-FELIU, V.; GINER-FILLOL, A.; & da ROSA, F. S. Estudo sobre a implantação do orçamento baseado em desempenho na Autoridade Portuária de Valência. Revista de Administração Pública, Rio de Janeiro: FGV, v. 47, n. 1, 2013.

LUNKES, R.J.; SCHNORRENBERGER, D.; ROSA, F.S. Controllership Functions: an analysis in the Brazilian scenario. Revista Brasileira de Gestão de Negócios. São Paulo, Vol. 15, No. 47, pp. 283-299, Apr./Jun. 2013.

LUNKES, R. J. Manual de orçamento. 2. ed. São Paulo: Atlas, 2007.

PETRINI, M.; POZZEBON, M. Managing sustainability with the support of business intelligence: integrating socio-environmental indicators and organizational context. The Journal of Strategic Information Systems, v. 18, n. 4, p. 178-191, 2009.

RAMAKRISHNAN, T.; JONES, M. C.; SIDOROVA, A. Factors influencing business intelligence (BI) data collection strategies: an empirical investigation. Decision Support Systems, v. 52, n. 2, p. 486-496, 2012.

REGINATO, L.; NASCIMENTO, A. M. Um estudo de caso envolvendo Business Intelligence como instrumento de apoio à controladoria. Revista Contabilidade & Finanças–RCF, São Paulo: Edição, v. 30, p. 69-83, 2007.

ROTARU, V. H.; VOICU, A. R.; KALAPIS, F. The implications of managerial accounting in strategic management. Annals of DAAAM & Proceedings: p. 435-438, 2011.

SILVA, A. C. D.; GONÇALVES, R. C. D. M. G. Aplicação da abordagem contingencial na caracterização do uso do sistema de controle orçamentário: um estudo multicaso. Journal of Information Systems and Technology Management, v. 5, n. 1, p. 163-184, 2008.

TURBAN, E.; SHARDA, R.; ARONSON, J.; KING, D. 2009. Business Intelligence: Um enfoque gerencial para a inteligência do negócio. Porto Alegre, Bookman, 2009.

UYAR, A.; BILGIN, N. Budgeting practices in the Turkish hospitality industry: An exploratory survey in the Antalya region. International Journal of Hospitality Management, v. 30, n. 2, p. 398-408, 2011.

WEBER, J. The development of controller tasks: explaining the nature of controllership and its changes. Journal of Management Control, v. 22, n. 1, p. 25-46, 2011.

WEISSENBERGER, B. E.; ANGELKORT, H. Integration of financial and management accounting systems: the mediating influence of a consistent financial language on controllership effectiveness. Management Accounting Research. v. 22, n. 3, 160–180, 2011.

YIN, R.K. Estudo de caso planejamento e métodos. 5° ed. Porto Alegre: Bookman, 2015.




DOI: https://doi.org/10.34140/bjbv2n3-081

Apontamentos

  • Não há apontamentos.