Fotocatálise aplicada ao tratamento de efluentes de lavanderia de jeans: comparação entre TiO2 e ZnO na eficiência de remoção de cor / Photocatalysis applied tolaundry wastewater treatment: comparison between TiO2 and ZnO on the efficiency of color removal

Valquíria Aparecida dos Santos Ribeiro, Ana Maria Ferrari, Célia Regina Granhen Tavares

Resumo


A indústria têxtil é um dos segmentos mais importantes no âmbito social e econômico, visto que visa atender as necessidades e preferências humanas, ao mesmo tempo em que contribui para a geração de empregos e riquezas no país. Contudo, esta indústria gera uma quantidade excessiva de resíduos, dentre eles os efluentes, que podem, quando não tratados adequadamente, poluir e impactar o ecossistema. Atualmente, as técnicas empregadas no tratamento efluentes têxteis são baseadas em processos biológicos e físico-químicos, entretanto, diante da escassez dos recursos hídricos, existe a necessidade de desenvolvimento e aplicação de tecnologias mais eficientes no tratamento de águas resíduas industriais. Neste contexto, os processos oxidativos avançados aplicados ao tratamento de efluentes industriais se destacam por serem considerados tecnologias limpas, que além de tratar os efluentes com padrão superior aos processos convencionais, minimizam a geração de resíduos sólidos. Desta forma, o presente trabalho apresenta uma comparação entre dois dos mais utilizados catalisadores empregados em processos de foto-oxidação para o tratamento de efluentes de lavanderia de jeans. Os resultados apontaram que quando se analisa apenas a remoção de cor destes efluentes, o catalisador dióxido de titânio apresenta maior eficiência na remoção da cor. Contudo, ao analisar um conjunto de fatores, o óxido de zinco, mostrou-se melhor do que o dióxido de titânio.

 


Texto completo:

PDF

Referências


APHA. American Public Health Association. Standard Methods for Examination of Water and Wastewater.Washington, D.C., 1996.

CONAMA. Conselho Nacional do Meio Ambiente. Condições e Padrões de Lançamento de Efluentes - Resolução 430/2011. Ministério do Meio Ambiente, 2011.

FERRARI-LIMA, A.M., UEDA, A.C., BERGAMO, E.A. et al. Perovskite-type titanate zirconate as photocatalyst for textile wastewater treatment. Environ Sci Pollut Res 24, 12529–12537 (2017). https://doi.org/10.1007/s11356-016-7590-4.

Global Fashion Agenda (GFA) & The Boston Consulting Group (BCG). Pulse of the fashion industry.

globalfashionagenda.com https://www.globalfashionagenda.com/wp-content/uploads/2017/05/Pulse-of-the-Fashion-Industry_2017.pdf (2017).

IAP. Instituto Ambiental do Paraná.Condições e Padrões de Lançamento de Efluentes Líquidos Industriais – Resolução CEMA 70/2009. Curitiba, 2009.

KADOLPH, S. J., A. L. LANGFORD. Textiles. 8ª Edition. Saddle River, New Jersey: Prentice-Hall, 1998.

DARJA MAUČEC, ANDRAŽ ŠULIGOJ, ALENKA RISTIĆ, GORAN DRAŽIĆ, ALBIN PINTAR, NATAŠA NOVAK TUŠAR. Titania versus zinc oxide nanoparticles on mesoporous silica supports as photocatalysts for removal of dyes from wastewater at neutral pH. Catalysis Today,Volume 310, 32-41, 2018.

NIINIMÄKI, K., PETERS, G., DAHLBO, H. et al. The environmental price of fast fashion. Nat Rev Earth Environ 1, 189–200, 2020. https://doi.org/10.1038/s43017-020-0039-9




DOI: https://doi.org/10.34140/bjbv2n3-062

Apontamentos

  • Não há apontamentos.