Nícia Vilela Luz e as contribuições ao pensamento econômico brasileiro / Nicia Vilela Luz and contributions to brazilian economic thought

Débora Giorno, Rosalina Lima Izepão

Resumo


Tratando-se do desenvolvimento industrial no Brasil, os estudos publicados se dividem em diversas correntes teóricas, interpretações e períodos históricos. No presente artigo apresenta-se a historiadora Nícia Vilela Luz e sua principal obra “A luta pela industrialização do Brasil (1808-1930)”, com objetivo de destacar suas contribuições ao pensamento econômico brasileiro, em especial nos aspectos concernentes ao movimento nacionalista industrializante fortalecido no Brasil a partir de 1875. O estudo mostrou que a autora contribuiu de forma significativa para o entendimento do pensamento econômico brasileiro desenvolvido no período analisado, sobretudo no que se refere aos movimentos ligados à defesa do desenvolvimento industrial no país. Por meio dos seus estudos é possível observar que a industrialização brasileira se desenvolveu de forma lenta e gradual, num processo de muitas lutas, disputas e acordos entre os vários grupos de interesse vigentes desde a fase mercantil colonial, com destaque para o período joanino até o seu desabrochar no final da primeira República, em 1930.


Palavras-chave


Brasil, nacionalismo industrializante, Vilela Luz.

Texto completo:

PDF

Referências


LUZ, N. V. A Luta pela industrialização no Brasil: 1808-1930. 2. ed. São Paulo: Alfa-Omega, 1975.

LUZ, N. V. Inquietação revolucionária no Sul: a Conjuração Mineira. In: LINHARES, M. Y. e S.; TEIXEIRA, F.C. História Geral da Civilização Brasileira. São Paulo: Brasiliense, 1981. Tomo I,

LUZ, N. V. As Tentativas de Industrialização no Brasil. In: HOLANDA, S. B. de. O Brasil Monárquico: declino e queda do Império. 5. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil SA, Vol 4. Coleção História Geral da Civilização Brasileira, 1995, p. 28-41.

LUZ, N. V. Amazônia para os negros americanos. Rio de Janeiro: Saga, 1968

MARTINS, W. Nacionalismo Econômico. O Estado de São Paulo. São Paulo, edição de 07 de outubro de 1961. p.10. Disponível em Acesso em 03 de agosto de 2019.

PEREIRA, R. S.; COSTA, R. C. P. Historiografia e o nascimento da industrialização brasileira. Anais do XXVI Simpósio Nacional de História – ANPUH. São Paulo. Julho, 2011.

RIBEIRO, M. A. R. As primeiras pesquisadoras brasileiras em história econômica e a construção da disciplina no Brasil. História Econômica & História de Empresas II. 2 (1999), 7- 40.

O ESTADO DE SÃO PAULO. Uma mulher ganhou o prêmio “Fábio Prado”. O Estado de São Paulo. São Paulo, edição de 27 de julho de 1962. p.38. Disponível em Acesso em 04 de agosto de 2019.




DOI: https://doi.org/10.34140/bjbv2n3-025

Apontamentos

  • Não há apontamentos.