A União Europeia e o alargamento de suas fronteiras: uma realidade histórica e estratégica / The European Union and the enlargement of its boundaries: a historic and strategic reality

Derly Jardim do Amaral, Francisco Américo Cassano, Odair Gomes Salles

Resumo


O estudo apresenta um relato histórico e estratégico da ampliação da União Europeia na área socioeconômica e de segurança, tendo como estudo de caso a adesão dos países bálticos (Estônia, Lituânia e Letônia). Busca-se avaliar o efeito resultante sobre as populações da adesão ao bloco, por meio da análise de pesquisas de opinião levadas a cabo pela Comissão Europeia no período entre 2004 e 2013. Concluiu-se pelas vantagens advindas da colaboração recíproca entre os países do bloco econômico, conforme demonstraram as pesquisas de opinião e a evolução do PIB dos países analisados, corroborando a hipótese de que a adesão à União Europeia foi decisão acertada dos governos locais.


Palavras-chave


União Europeia, Alargamento de Fronteiras, Estratégia de Países Bálticos.

Texto completo:

PDF

Referências


CASELLA, P. B. Impacto Interno e Internacional da Ampliação da União Europeia. Revista da Faculdade de Direito, Universidade de São Paulo, 2004, v.99.

CAVACO, C. Que fronteiras para a UE? Finisterra (Revista Portuguesa de Geografia), v.39, n.78, pp. 5-46, 2004.

CAVUSGIL, S. Tamer; KNIGHT, Gary; RIESENBERGER, John R. Negócios internacionais: estratégia, gestão e novas realidades. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2010.

CUNHA, V. O. e. A Grécia Moderna – Um exercício de equilíbrio entre o Oriente e o Ocidente. Millenium on line, nº 9, jan. 1998.

CUTILEIRO, J. O Tratado de Bruxelas de 1948. Observatório de Relações Exteriores, Universidade Autônoma de Lisboa, Anuário Janus, 2008.

FERREIRA, M. J. M. A nova OTAN? Jornal de Defesa e Relações Internacionais, Portugal, 2004.

GASPAR, C. A Aliança Atlântica e o Método dos Alargamentos. Revista Nação e Defesa, n. 102 – 2ª série, pp. 45-63, 2002, Instituto da Defesa Nacional, Portugal.

JESUS, D. S V. de. Folie à vingt-sept: alguns mitos sobre a União Europeia. Revista de Geopolítica, v. 4, n. 2, p. 46-76, jul./dez. 2013.

KRUGMAN, Paul; OBSTFELD, Maurice. Economia Internacional: teoria e política. 8ª ed. Pearson Prentice Hall, São Paulo, 2010.

OREIRO, J. L. Origem, causas e impacto da crise. Jornal O Valor Econômico, ed. 13/09/2011.

PEREIRA, C. S. A NATO e a Rússia: uma parceria reservada. Revista Nação e Defesa, n. 126 – 5ª série, pp. 145-170, 2010, Instituto da Defesa Nacional, Portugal.

ROSEVICS, L. Autonomia dos Países Bálticos: uma questão geopolítica. Boletim Meridiano 47, vol. 13, n. 131, 2012.

SIMÃO, L.; RODRIGUES, S. A União Europeia entre o alargamento e a vizinhança: os casos dos Balcãs ocidentais e do Cáucaso do sul. Revista Brasileira de Política Internacional (RBPI), 2011.

TSF Radio Notícias, Lisboa, Portugal, 2005. Bulgária e Romênia assinam tratado de adesão. Notícia divulgada no portal, dia 25/04/2005.

SITES VISITADOS

COMISSÂO EUROPEIA. “Standard Eurobarometer”. EC website, s/d. Disponível em:

(vários acessos)

UNIÃO EUROPEIA. EU website: (vários acessos)

______. Alargamento 2004: o desafio acrescido de uma EU a 25. EU website, s/d.

Disponível em:

http://europa.eu/legislation_summaries/enlargement/2004_and_2007_enlargement/e50017_pt.htm(acesso em 12/01/2014)

______. Estatísticas e Sondagens de Opinião. EU website, s/d. Disponível em:

(vários acessos)

______. História da EU. EU website, s/d. Disponível em:

(acesso em 10/01/2014)

______. Tratado de Lisboa. EU website, s/d. Disponível em:

(acesso em 12/01/2014)




DOI: https://doi.org/10.34140/bjbv2n2-023

Apontamentos

  • Não há apontamentos.