Resposta reprodutiva na apresentação de zelagem, fertilidade e prolificidade em ovelhas pelibues, sincronizadas com FGA, P4, PMSG e efeito masculino / Reproductive response on the presentation of zeal, fertility and prolificity in pelibuey sheep, synchronized with FGA, P4, PMSG and male effect

Rodolfo Lucio Domínguez, Leticia Sesento Garcia, Carlos Bedolla Cedeño, Ángel Raúl Cruz Hernández

Resumo


A aplicação do efeito macho (E.M.) como substituto do PMSG em ovelhas tratadas com esponjas vaginais FGA, com o objetivo de induzir e sincronizar o calor das ovelhas sem aumentar excessivamente a prolificidade, reduzindo assim o custo do tratamento. Para tanto, foram utilizadas 60 ovelhas da raça pelibuey, divididas aleatoriamente em três grupos: grupo 1 (Controle): o protocolo foi o clássico, utilizando uma esponja APG vaginal em dose normal (40 mg, Cronogest®, Intervet) durante 11 dias. PMSG (500 IU.IM.) foi injetado 2 dias antes (dia 9) da remoção da esponja. O grupo foi mantido isolado dos machos até o dia do acasalamento dirigido. Grupo 2: apenas ½ esponja FGA (20mg. Cronogest®, Intervet) sem PMSG foi usada. No dia 5 foi injetada progesterona (25mg, IM em solução oleosa) e no dia 8 o "efeito masculino" foi causado. Grupo 3: Com apenas ½ esponja FGA (20mg, Cronogest®, Intervet) também injetando progesterona (25mg, IM em solução oleosa no dia da inserção da esponja) sem PMSG, por 6 dias. Três dias antes (dia 3) da remoção da esponja, o "efeito masculino" foi obtido. Os ovinos dos grupos G1, G2 e G3 não mantinham contato com os machos há 30 dias. Um macho foi usado para detecção de cio e mais dois para acasalamento. O grupo controle foi superior apenas no tempo de apresentação do calor em relação ao G2 e G3 com diferença estatística (p <0,05). Para as variáveis de fertilidade e prolificidade, não houve diferenças significativas (p <0,05) entre os três grupos. Esses resultados demonstram as grandes possibilidades de utilização do efeito macho ao invés do PMSG para sincronização de calor em ovinos.


Palavras-chave


Ovinos, Sincronização, Calor, FGA, Progesterona, PMSG, Efeito masculino.

Texto completo:

PDF

Referências


Anderson LH, Day ML. 1994. Acute progesterone administration regresses persistent dominant follicles and improves fertility of cattle in which estrus was synchronized with melengestrol acetate. J. Anim. Sci. 72:2955-2961.

Baril G, Remy B, Leboeuf B, Beckers JF, Saumande J. 1996. Synchronization of estrus in goats: the relationship between eCG binding in plasma, time of occurrence of estrus and fertility following artificial insemination. Theriogenology 45(8):1553-1559.

Chemineau, P., 1985. Effect of a progestagen on buck - induced short ovarian cycles in the creole meat goat. Animal Reproduction Science, 9, 87-94.

Folch J, Paramio MT, Urbieta J, Valderrábano J. 1983. Provocación del celo en ovejas de raza Rasa Aragonesa durante el periodo de anoestro estacionario. II. Sustitución de la PMSG por “efecto macho” después de un tratamiento con esponjas vaginales impregnadas de FGA. ITEA (Información Técnica-Económica Agraria) 53:45-52.

Folch, J. 1990. Utilización practica del "efecto macho" para la provocación de celos y ovulaciones en ganado ovino. ITEA, Información Tecnica-Economica Agraria. 1990, 86A: 3, 145-163.

Hernández García, F.I.,Pérez Rodríguez, M.A., Lucio Domínguez, R., Serrano Garrido, A., Fernández de Castro Mas, J.L. 2000. Sincronización de celos en la cabra Verata utilizando el efecto macho en lugar de PMSG. I: Sincronización de la emergencia folicular pre-ovulatoria mediante cambios de concentración del tratamiento progestativo. XXV Jornadas de la Sociedad de Ovinotecnia y Caprinotecnia, Teruel, 28-30 de septiembre de 2000; pp. 619-622.

Kinder JE, Kojima FN, Bergfeld EGM, Wehrman ME, Fike KE. 1996. Progestin and estrogen regulation of pulsatile LH release and development of persistent ovarian follicles in cattle. J Anim Sci 74:1424-1440.

Leboeuf B, Manfredi E, Boue P, Piacère A, Brice C, Baril G, Broqua C, Humblot P, Terqui M. 1998. Inseminación artificial de cabras lecheras en Francia. En: Inseminación Artificial en Pequeños Rumiantes, 2º Seminario de Actualización, Sociedad Española de Ovinotecnia y Caprinotecnia, Valdepeñas (Ciudad Real, Spain), pp. 11-22.

Thatcher WW, De La Sota RL, Schmitt EJP, Diaz TC, Badinga L, Simmen FA, Staples CR, Drost M. 1996. Control and management of ovarian follicles in cattle to optimize fertility. Reprod Fertil Dev 8:203-217.




DOI: https://doi.org/10.34188/bjaerv4n3-053

Apontamentos

  • Não há apontamentos.