Uso de aplicações matemáticas para predição de conforto térmico de frangos de corte em ambiente semiárido / Use of mathematical applications to predict thermal comfort in broiler chickens in a semiarid environment

Alexandre Maniçoba da Rosa Ferraz Jardim, Allan Rodrigues Silva, Thalyta Soares dos Santos, Cleber Pereira Alves, João Pedro Alves de Souza Santos, José Orlando Nunes da Silva, Hygor Kristoph Muniz Nunes Alves, Thieres George Freire da Silva

Resumo


Objetivou-se estimar o Índice de Temperatura e Umidade (ITU), Índice de Temperatura de Globo Negroe Umidade (ITGU) e a Carga Térmica de Radiação (CTR) através de modelagem bioclimática para frangos de corte (Gallus gallus domesticus) do tipo colonial no município de Petrolina, PE. O estudo foi realizado para o município de Petrolina, PE, Brasil, para um período de 14 anos (2003 à 2017). Os dados meteorológicos foram obtidos através do Instituto Nacional de Meteorologia e foram processados em planilha eletrônica. De posse dos dados determinou-se os índices climáticos, onde foram propostos para aves de corte do tipo colonial. Os valores de ITU mantiveram-se elevados na maior parte do ano caracterizando-se ambiente quente. Para o ITGU encontrou uma faixa de ambiente confortável entre os meses de maio à setembro, exceto julho (73,65), já a CTR sofreu grande variação nos meses. As utilizações de modelos matemáticos auxiliaram de forma eficiente na predição das condições de criação de aves de corte.


Palavras-chave


Estresse, Índice de temperatura e umidade, Modelagem bioclimática.

Texto completo:

PDF

Referências


ALUWONG, T. et al. Daily rhythms of cloacal temperature in broiler chickens of different age groups administered with zinc gluconate and probiotic during the hot‐dry season. PhysiologicalReports, v. 5, n. 12, p. 1-9, 2017.

ANGELO, M. S. P.; NAAS, I.; VENDRAMETTO, O. Programacomputacional para a estimativa de conforto térmico na produção intensiva de suínos e frangos de corte. Revista Engenharia na Agricultura, v. 22, n. 6, p. 535-542, 2014.

BUFFINGTON, D. E. et al. Black globe humidity confort index (BGHI) as confort equation for dairy cows. Transaction of the American Society of Agricultural and Biological Engineers. v.24, p.711- 714, 1981.

DALÓLIO, F. S. D. et al. Caracterização bioclimática de um galpão experimental de criação de frangos de corte na região de diamantina-MG. RevistaEngenharianaAgricultura, v. 24, n. 1, p. 22-31, 2016.

OKE, O. E. Evaluation of physiological response and performance by supplementation of Curcuma longa in broiler feed under hot humid tropical climate. Tropical Animal Health and Production, v. 50, n. 2, p. 1-7, 2018.

SILVA, T. G. F. et al. Black globe temperature from meteorological data and a bioclimatic analysis of the Brazilian Northeast for Saanen goats. Journal of Thermal Biology, v. 85, p. 102408, 2019.

SILVA, V. P. et al. Environmental impacts of French and Brazilian broiler chicken production scenarios: An LCA approach. Journal of Environmental Management, v. 133, p. 222-231, 2014.

THOM, E.C. The discomfort index. Weatherwise, Washington, v.12, n. 2, p. 57-60, 1959.




DOI: https://doi.org/10.34188/bjaerv3n3-136

Apontamentos

  • Não há apontamentos.