Influência de telhados verdes pré-moldados na redução e retardo do escoamento em precipitações intensas / Influence of precast green roofs on the reduction and delay of runoff in intense precipitation

Zacarias Caetano Vieira, Karinne Santiago Almeida, Eugênio Figueiredo de Albuquerque

Resumo


Os sistemas tradicionais de drenagem tornam-se insustentáveis com o passar do tempo, gerando a busca por soluções alternativas, como os telhados verdes. Diante do exposto, esse trabalho objetiva realizar a simulação da substituição dos telhados convencionais por telhados verdes pré-moldados nos terminais de integração de Aracaju- SE. Foram utilizados quatros telhados verdes pré-moldados com capacidades de retenção variando de 25 l/m² até 160 l/m², e adotado chuvas hipotéticas com diferentes intensidades e durações. Foi estimado o volume de água jogado na drenagem urbana em ambos os casos, e posteriormente, indicado a redução de vazão conseguida, e o retardo para o inicio do escoamento. Os resultados mostram uma redução do volume escoado de variando de 39,68% até 100% em relação aos telhados convencionais, e um tempo de retardo variando de 11,90 até 82,76 minutos. Conclui-se que o uso em larga escala de telhados verdes pré-moldados, pode impactar positivamente no sistema de drenagem das cidades, reduzindo e retardando as vazões de picos.


Palavras-chave


Sistemas prontos, Chuvas intensas, Enchentes.

Texto completo:

PDF

Referências


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 10844: Instalações prediais de águas pluviais. 1 ed. Rio de Janeiro: ABNT 1989. 13 p.

COSTA, J. da; POLETO, C.; RAMME, S. da S. Redução e retardo do escoamento superficial das águas pluviais em telhados verdes. In: IV ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, 2016, Toledo. Anais do IV ENDICT. Toledo: UTFPR, 2016, p. 1 - 13.

GOES, J. H. D. A. de; JESUS, J. B. de; CARDOSO JUNIOR, J. C. A. Mapeamento dos pontos de alagamento da cidade de Aracaju - SE. In: VII ENCONTRO DE RECURSOS HÍDRICOS, 2014, Sergipe. Anais do ENRHSE 2014. Aracaju: Embrapa, 2014. p. 85-88. Disponível em: . Acesso em: 17 jul. 2018.

KIPPER, A. Drenagem urbana: comparativo entre sistemas de tradicional, compensatório e de baixo impacto. 2015. 79f. TCC (Graduação) - Curso de Engenharia Civil, Centro de Tecnologia, Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2015.

PEREIRA, F. D. de S. O desafio entre a drenagem urbana e os resíduos sólidos: o caso de Aracaju/SE. 2015. 192 f. Dissertação (Mestrado) - Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente, Universidade Federal de Sergipe, São Cristóvão, 2015.

SAVI, A. C. Telhados verdes: uma análise da influência das espécies vegetais no seu desempenho na cidade de Curitiba. 2015. 200 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-graduação em Engenharia de Construção Civil, Setor de Tecnologia, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2015.

VIEIRA, Z. C. et al. Avaliação dos volumes de cisternas para uso em terminais de integração com demandas estimadas. In: XIII SIMPÓSIO DE RECURSOS HIDRICOS DO NORDESTE, 2016, Aracaju/SE. Anais do XIII SRHN. ABRHidro, 2016.

VIEIRA, Z. C. et al. Simulação do uso de telhados verdes prontos para atenuação de enchentes urbanas: o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Sergipe como estudo de caso. Revista Tecnologia, [s.l.], v. 39, n. 2, p.1-13, 2018. Fundação Edson Queiroz. http://dx.doi.org/10.5020/23180730.2018.8014.




DOI: https://doi.org/10.34188/bjaerv3n3-111

Apontamentos

  • Não há apontamentos.