Simulação de um circuito de britagem para a produção de areia de britagem a partir de brita 0 (zero) gnaíssica / Simulation of a crushing circuit for the production of crushed sand from 0 (zero) gnaissica crushed stone

Luis Henrique Rossi Perácio, Fernanda Figueiredo Duarte, Telma Ellen Drumond Ferreira, Eugênio Eustáquio Ferreira, Júnia Soares Alexandrino

Abstract


Este trabalho apresenta a simulação de um circuito de britagem para a produção de areia de britagem a partir de brita 0 (zero) gnáissica e avalia se a areia de britagem pode ser utilizada em substituição à areia natural na construção civil devido à indústria da produção de pedra britada buscar de maneira constante, alternativas de aproveitamento de subprodutos mais finos, oriundos da fragmentação das rochas. Esses novos produtos, no caso, as areias de britagem, além de representar aumento das receitas das empresas, corroboram para a redução do passivo ambiental devido às pilhas de estoques de finos, geralmente com mercado menor. A principal contribuição do trabalho se deve ao aproveitamento desses finos na construção civil e que a sua utilização contribuirá para a redução do uso da areia proveniente de rios.


Keywords


Areia de Britagem; Brita 0; Construção Civil; Tratamento de minérios.

References


ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS: NBR NM 26: 2001: Agregados – Amostragem. Rio de Janeiro, 2001.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS: NBR NM 52: 2009: Agregados miúdos – Determinação de massa específica e massa específica aparente, 2. ed. Rio de Janeiro, 2009.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS: NBR NM 248: 2003: Agregados – Determinação da composição granulométrica. Rio de Janeiro, 2003.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 7211: Agregado para concreto – Especificação. Rio de Janeiro, 2009.

ALMEIDA,L. M; LUZ,A. B. Manual de Agregados para a construção civil. Salvador: CETEM, 2009.

ALMEIDA, S. L.M; SAMPAIO. J.A.; SILVA. V. S. Produção de areia artificial com base em finos de brita de granito. Comunicação Técnica elaborada para o “I Congresso Internacional de Rochas Ornamentais – II Simpósio Brasileiro de Rochas Ornamentais”, março, 2005.

ARAUJO, A.C.; GALERY, R.; VALADÃO, G.E.S.; VIANA, P.R.M. Fragmentação. In: ARAUJO, A.C.; VALADÃO, G.E.S. Introdução ao Tratamento de Minérios. Belo Horizonte: UFMG, 2007. cap.5. p.85-103.

DEPARTAMENTO NACIONAL DE PRODUÇÃO MINERAL (DNPM), Sumário Mineral. Brasília, 2001.

FERREIRA, D, H, O. Principais Etapas do Tratamento de Minérios Itabiríticos do Quadrilátero Ferrífero. Monografia de Graduação em Engenharia de Recursos Minerais, UFMG, 2011.

FIGUEIRA, H. V. O; LUZ. A. B; ALMEIDA, S. L. M. – Capítulo 04 – Britagem e Moagem (Comunicação técnica elaborada para a 5ª edição do livro de Tratamento de Minérios). Rio de Janeiro: CETEM, 2010.

GÓES, M. A. C. de; LUZ, A. B. da; POSSA, M. V. Amostragem (Comunicação técnica elaborada para a 5ª edição do livro de Tratamento de Minérios). Rio de Janeiro: CETEM, 2010.

HERRMAN, H. Análise da cadeia produtiva de agregados minerais para obras de construção civil e de infraestrutura. Relatório técnico 01, Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial, ABDI, 2012.

JUNIOR, C. A. F. F; FERREIRA, G. E. Mercado de agregados no Brasil. XX Jornada de Iniciação Científica. CETEM, 2012.

KELLY, E.G.; SPOTTISWOOD, D. J. Introduction to Mineral Processing. New York: Jhon Wiley & Sons, 1982.

LUZ, A. B.; SAMPAIO, J. A., ALMEIDA, S. L. M. Tratamento de Minérios. 4. ed revisada. Rio de Janeiro: CETEM, 2004.

NETO, C.S. A importância dos conceitos tecnológicos na seleção dos agregados para argamassas e concretos. Areia e Brita, nº 12, p. 26-28, 1999.

OLIVEIRA, M. L. M. de; AQUINO, J. A. de. Capítulo 1 – Amostragem (Comunicação técnica elaborada para a o Livro Tratamento de Minérios: Praticas Laboratoriais). Rio de Janeiro: CETEM, 2007.

LIMA, R. C.; ALMEIDA, S. L. M. Areia artificial: uma alternativa para uso em construção civil. XIII Jornada de Iniciação Científica – CETEM, 2005.

SAMPAIO, S. J. A. e GOMES, F. A. N. – Capítulo 02 – Determinação das densidades de sólidos e de polpas (Comunicação técnica elaborada para a 5ª edição do livro de Tratamento de Minérios). Rio de Janeiro: CETEM, 2010.

SAMPAIO, J. A.; DA SILVA, GOMES, F. A. N. Amostragem. Cap1. Tratamento de minérios e práticas laboratoriais. CETEM, 2007.

SÁTIRO, B. S.; SIQUEIRA, T. M. A. Aspectos granulométricos das areias utilizadas em concreto para a construção civil na região do médio Piracicaba. Monografia de Graduação. FaEnge, 2013.

SILVA, Gustavo Alexandre. Diagnóstico do setor de agregados para construção civil na região metropolitana de natal - RN. 2012. 193 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Pós-graduação em Engenharia Mineral, Centro de Tecnologia e Geociências, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2012.

TONSO, S. As pedreiras no espaço urbano: perspectivas construtivas. Dissertação (Mestrado) - Instituto de Geociências. Universidade Estadual de Campinas, 131 p. Campinas, 1994.

VALADÃO, E. S; ARAÚJO, A. C. D. Introdução ao Tratamento de Minérios. Belo Horizonte: UFMG, 2012.




DOI: https://doi.org/10.34115/basr.v2i7.644

Refbacks

  • There are currently no refbacks.