Avaliação de segurança de medicamento off-label utilizados no tratamento da COVID-19: revisão sistemática/ Safety assessment of off-label medication used in the treatment of COVID-19: Systematic review

Fabianny Silva de Oliveira, Gleyze da Silva Mendonça, Socorro de Souza Silva

Resumo


INTRODUÇÃO: O SARS-CoV-2 é um vírus de ácido ribonucleico, composto de uma fita de RNA positiva, com genoma formado por uma molécula de ribose, um ácido fosfórico e uma base nitrogenada, destacando-se a proteína spike e nucleoproteína que compõem a glicoproteína de pico. A glicoproteína faz com que o SARS-CoV-2 penetre na célula do hospedeiro pela ligação do receptor e membrana, fazendo a replicação do vírus em seu interior, ocasionando a transmissão do vírus.OBJETIVO: Analisar as principais reações adversas dos medicamentos utilizados de forma off-label no tratamento da COVID -19.MÉTODOS: Utilizou-se as palavras chaves nos bancos de dados Scielo (Scientific Electronic Library Online), Pubmed (Biblioteca Nacional de Medicina) e Lilacs (Literatura Latina – Americana e do Caribe em ciência da saúde. 

RESULTADOS: Ao final da pesquisa, foram encontrados nos bancos de dados 120 artigos, desses, 8 na plataforma Scielo, 39 no Lilacs e 73 no Pubmed. Após as etapas de seleção, foram excluídos 109 artigos por meio dos critérios de exclusão e selecionados para análise 11 artigos completos.CONCLUSÕES: Os estudos apontam para a falta de evidências conclusivas aos benefícios e a segurança das intervenções terapêuticas contribuindo para a morbidade e mortalidade de pacientes com COVID-19. A utilização de medicamentos off- label manifestou uma quantidade bem significativa de reações adversas, superando os benefícios clínicos.


Palavras-chave


“Interações medicamentosas e COVID-19”, “Reações adversas e COVID-19, “Ivermectina e SARS-CoV-2”, “Azitromicina e SARS-CoV-2”, “Cloroquina e SARS-CoV-2” e “Hidroxicloroquina e SARS-CoV-2”.

Texto completo:

PDF

Referências


DENEZ, K. et al., 2020. Relatório do questionário de acompanhamento farmacoterapêutico aplicado na população de Itajaí referente a COVID-19. Itajaí, santa Catarina, 2020. Disponível em: https://am hb.org.br/wp-content/uploads/2020/ 08/Itajai-SC-Relat%C3%B3rio-do-question%C3%A1rio -de-acompanhamento-farmacoterap%C3 %AA utico-aplicado-na-popula%C3%A7 %C3%A3o-de-Itaja%C3%AD-referente-a-CO VID-19-17-07-201.pdf. Acesso em: 16 Out. 2020.

LANA, Raquel et al. Emergência do novo coronavírus (SARS-CoV-2) e o papel de uma vigilância nacional em saúde oportuna e efetiva. Cad. Saúde Pública, Rio de Janeiro, p. 1-1, 13 mar. 2020. Acesso em: 16 out. 2020.

LIMA, Kenio et al. Idosos vivendo em distanciamento social: possibilidades para lidar com Covid-19. Rev. bras. geriatr. gerontol. , Rio de Janeiro, p. 1-1, 20 maio 2020.. Acesso em: 15 out. 2020.

UZUNIAN, Armênio. Coronavírus SARS-CoV-2 e Covid-19. J. Bras. Patol. Med. Lab., Rio de Janeiro, p. 1-1, 25 set. 2020. Acesso em: 1 dez. 2020.

TRITANY, Rafael; TRITANY, Érika. Serviços Farmacêuticos no Enfrentamento à COVID-19: Uma Revisão Integrativa da Literatura. Saúde em Redes, Rio de Janeiro, p. 7-24, 9 set. 2020. Acesso em: 18 out. 2020.

CHAVES, Elana et al. Considerações sobre os medicamentos com potencial efeito farmacológico para o vírus SARS-HCoV-2. Departamento de Farmácia AMIB, São Paulo, p. 1-10, 5 abr. 2020. Acesso em: 18 out. 2020.

MENEZES, Carolline; SANCHES, Cristina; CHEQUER, Farah. Efetividade e toxicidade da cloroquina e da hidroxicloroquina associada (ou não) à azitromicina para tratamento da COVID-19. O que sabemos até o momento?. Revista de Saúde e Ciências Biológicas, Minas Gerais, p. 1-7, 1 ago. 2020.. Acesso em: 18 out. 2020.

Mizusaki Imoto A, Bernarda Donato Gottems L, Paiva Castelo Branco H, Aniceto Santana L, Luis Ramos Monteiro O, Eduardo Soares Fernandes S, Ferreira Amorim F. Cloroquina e Hidroxicloroquina no tratamento da COVID-19: Sumário de Evidências. Com. Ciências Saúde [Internet]. 13º de abril de 2020 [citado 1º de out.de 2020];31(Suppl 1):17-30. Acesso em: 01 out. 2020.

CRF-SP. Uso da ivermectina. Conselho Regional de Farmácia do Estado de são Paulo, 2 de julho de 2020 Disponível em http://www.crfsp.org.br/no ticias/11380-crf-sp-emite-nota-sobre-o-uso-de-ivermectina-n o-tratamento-de-co vid-19.html. Aceso em: 13 Nov. 2020.

MALFARÁ et al. Estratégias e resultados do Serviço de Farmácia Clínica no tratamento de pacientes com COVID-19. Revista de qualidade HC, 2020. Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, SP. Disponível em https://www.hcrp.usp.br/revistaqualidade/uploads/Artigos/255/255.pdf. Acesso em: 15 Out. 2020.

RAJTER, Juliana et al. O uso de ivermectina está associado a uma mortalidade mais baixa em pacientes hospitalizados com doença por coronavírus em 2019: a ivermectina no estudo COVID dezenove. CHEST, [S. l.], p. 1-8, 13 out. 2020. Acesso em: 2 jan. 2021.

CAMPRUBÍ, Daniel et al. Lack of efficacy of standard doses of ivermectin in severe COVID-19 patients. PLoS One, [S. l.], p. 1-1, 11 nov. 2020. Acesso em: 3 jan. 2021.

BORBA, Mayla et al. Efeito de doses altas versus baixas de difosfato de cloroquina como terapia adjuvante para pacientes hospitalizados com síndrome respiratória aguda grave infecção por coronavírus 2 (SARS-CoV-2). JAMA Netw Open., [S. l.], p. 1-1, 24 abr. 2020.

SELF, Wesley et al. Efeito da hidroxicloroquina no estado clínico em 14 dias em pacientes hospitalizados com COVID-19. JAMA, [S. l.], p. 1-1, 9 nov. 2020. Acesso em: 2 fev. 2021.

BOULWARE, David et al. Um ensaio randomizado de hidroxicloroquina como profilaxia pós-exposição para Covid-19. N Engl J Med., [S. l.], p. 1-1, 3 jun. 2020. Acesso em: 6 fev. 2021.

GAUTRET, Philippe et al. Efeito clínico e microbiológico de uma combinação de hidroxicloroquina e azitromicina em 80 pacientes com COVID-19 com acompanhamento de pelo menos seis dias: um estudo observacional piloto. Travel Med Infect Dis., [S. l.], p. 1-1, 11 abr. 2020. Acesso em: 7 fev. 2021.

CAVALCANTI, Alexandre et al. Hidroxicloroquina com ou sem azitromicina em Covid-19 leve a moderado. N Engl J Med., [S. l.], p. 1-1, 23 jul. 2020. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7397242/. Acesso em: 10 fev. 2021.

MILLION, Matthieu et al. Tratamento precoce de pacientes COVID-19 com hidroxicloroquina e azitromicina: uma análise retrospectiva de 1.061 casos em Marselha, França. Travel Med Infect Dis., [S. l.], p. 1-1, 5 maio 2020.

HSIA, Brian et al. Prolongamento QT em uma população urbana diversa de pacientes com COVID-19 tratados com hidroxicloroquina, cloroquina ou azitromicina. J Interv Card Electrophysiol., [S. l.], p. 1-1, 11 jul. 2020. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.g ov/pmc/articles/PMC7352082/. Acesso em: 4 mar. 2021.

SALEH, Moussa et al. Efeito da cloroquina, hidroxicloroquina e azitromicina no intervalo QT corrigido em pacientes com infecção por SARS-CoV-2. Circ Arrhythm Electrophysiol., [S. l.], p. 1-1, 29 abr. 2020. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7299095/. Acesso em: 7 mar. 2021.

STRICKER, Raphael; FESLER, Melissa. Reduzindo o risco: profilaxia pré-exposição para COVID-19. Infect Drug Resist., [S. l.], p. 1-1, 19 out. 2020. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC7586021/. Acesso em: 9 mar. 2021.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv5n3-010

Apontamentos

  • Não há apontamentos.