Pesquisa de custos e índices da construção civil no município de Gurupi - TO / Civil construction cost and index survey in the city of Gurupi – TO

Diego Patrick Nusrala Dias, Mauro Luiz Erpen, Mauro Luiz Erpen, Clerson Dalvani Reis, Clerson Dalvani Reis

Resumo


 

Com a constante expansão da construção civil, tanto no Tocantins como no mercado de trabalho brasileiro como um todo, houve o surgimento da necessidade de se estimar os custos com materiais, mão de obra, custos diretos e custos indiretos. O orçamento é responsável por informar quais os prováveis custos para um projeto ser concluído e caracteriza-se como uma etapa muito importante para que um serviço seja exequível, sendo assim indispensável em todas as obras. Estados menos desenvolvidos e cidades interioranas sofrem com a disponibilidade dessas informações, as quais se fazem importantes nos âmbitos de custeamento e planejamento das obras. Sabendo disso, são necessárias ferramentas que facilitem a elaboração de orçamentos e o alcance da informação, almejando maior adequação e conveniência quanto aos valores encontrados e à baixa disparidade na prática. Este estudo teve como objetivo principal obter, de maneira apropriada, o preço unitário básico de cada um dos materiais e índices na lista de insumos da Norma Brasileira 12.721 de 2006, utilizando seus conceitos, somados aos do Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil Tocantinense, com foco na cidade de Gurupi, comparar seus dados anteriores aos atuais e confrontar as informações encontradas com as de outros estados, para que assim, obtenha-se, de forma precisa e conveniente, maior entendimento da região no âmbito da construção civil. Foi observado que os materiais “Registro de pressão cromado ø 1/2"” e “Tubo de ferro galvanizado com costura ø 2 1/2"” foram os mais abundantes nas empresas buscadas, enquanto que os itens “Bloco de concreto sem função estrutural 19 x 19 x 39 cm” e “Concreto fck=25 MPa abatimento 5±1cm 1 e 2 pré-dosado” não foram encontrados em nenhum dos comércios buscados. Seguindo os critérios informados, o Custo Unitário Básico por metro quadrado na cidade de Gurupi foi de R$1.519,25, no mês de maio de 2020, se aproximando aos valores encontrados nos estados Piauí e Pará (R$1.533,10 e R$1.562,37, na devida ordem).


Palavras-chave


Orçamento, Materiais e índices em Gurupi, Custo Unitário Básico, Preço de insumos em Gurupi.

Texto completo:

PDF

Referências


DUARTE, Helen C. F. e LAMOUNIER, Wagner M. Análise financeira de empresas da construção civil por comparação com índices-padrão. Enfoque: Reflexão Contábil. Universidade Estadual de Maringá. Paraná, 2007.

SHANK, J. K. & GOLVINDARAJAM, V. A revolução dos custos: como reinventar e redefinir sua estratégia de custos para vencer em mercados crescentemente competitivos. 2 ed. Rio de janeiro: Campus, 1997.

OLIVEIRA, Joao S. Custos na construção civil brasileira. Trabalho Final de Graduação (Graduação em Ciências Econômicas) – Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2008.

DIAS, Paulo Roberto Vilela. Engenharia de Custos. 3. ed. Rio de Janeiro: CREA-RJ; IBEC, 2001.

DIAS, Paulo Roberto Vilela. Novo Conceito de BDI, 1.ed. Rio de Janeiro: IBEC, 2007.

CASAROTTO, Rosangela M. Redes de Empresas na Indústria da Construção Civil: definição de funções e atividades de cooperação. Tese (Doutorado em Engenharia da Produção). Universidade Federal de Santa Catarina. Florianópolis, Santa Catarina, 2002.

SINDICATO DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL NO ESTADO DE MINAS GERAIS. Custo Unitário Básico (CUB/m²): principais aspectos. Belo Horizonte: SINDUSCON-MG, 2007. 112p.

SINDICATO DA INDÚSTRIA DA CONSTRUÇÃO CIVIL NO ESTADO DE MINAS GERAIS. Saiba mais: Custo Unitário Básico (CUB/m²). Belo Horizonte: Sinduscon-MG, 2013.

ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 12.721: Avaliação de custos de construção para incorporação imobiliária e outras disposições para condomínios edilícios. Rio de Janeiro, 2006.

Lei nº 4.591, de 16 de dezembro de 1964. Condomínio em edificações e as incorporações imobiliárias. Disponível em: . Acesso em: 14 de fev. de 2020.

SINAPI: Metodologias e Conceitos: Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil / Caixa Econômica Federal. – 8ª Ed. – Brasília: CAIXA, 2020.

Sindicato da Indústria, 2019. Disponível em: . Acesso em: 15 de fev. de 2020.

CUB/m², 2020. Disponível em: . Acesso em: 17 de fev. de 2020.

CUB/m² Estadual, 2020. Disponível em: . Acesso em abril, maio e junho de 2020.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv5n2-026

Apontamentos

  • Não há apontamentos.