A Educação e o Ensino Jurídico no Brasil: um percurso na pandemia / Education and Legal Education in Brazil: a journey in the pandemic

Rodrigo Rios Faria de Oliveira, Nelson Lambert de Andrade

Resumo


Em um primeiro momento, o trabalho consiste no relato destes dias de isolamento social, quase total, demonstrando o histórico diante da realidade vivida. Após, verificamos que o curso de Direito, no Brasil, é marcado por uma série de problemas, onde podemos destacar a falta de interesse por parte dos alunos nas salas de aula do referido curso em todo o Brasil. Em uma era digital, de interações e possibilidades imediatas, eles acham entediantes as aulas monótonas e abstratas. Os professores, por sua vez, sentem-se obrigados a despertar a curiosidade de seus alunos. Esse contexto, de modo bem generalizado, é perceptível. Porém, tem-se que o mundo acadêmico irá, ao invés de buscar entregar aos seus alunos conhecimento do Direito, proporcionar a reprodução de ecos da Lei, de doutrinas e da jurisprudência.


Palavras-chave


Educação, Pandemia, Direito, Linguagem jurídica, Ensino.

Texto completo:

PDF

Referências


ASENSI, Felipe. Vícios de estudantes geram monografias iguais a petições iniciais. Publicado em 19 de janeiro de 2014. Conjur. Disponível em: . Acesso em: 06 set. 2020.

CARVALHO, Salo de. Como (não) se faz um Trabalho de Conclusão: Provocações úteis para orientadores e estudantes de direito (especialmente das ciências criminais). Editora Lumen Juris, Rio de Janeiro, 2011.

CHIZZOTTI, Antonio. Tempos incertos. In: De Wuhan a Perdizes. Trajetos educativos [recurso eletrônico] ALMEIDA, Fernando José de, ALMEIDA, Maria Elizabeth B. de e SILVA, Maria da Graça (orgs). São Paulo: EDUC, 2020. Disponível em: https://www.pucsp.br/educ/downloads/trajetos_educativos.pdf. Acesso em 07 set. 2020.

CUNHA, Maria Isabel da. O bom professor e sua prática.2 ed. São Paulo: Papirus, 1992.

OLIVEIRA, Nirlene da Consolação. Linguagem Jurídica e Acesso à Justiça. Revista Pensar Direito, vol. 4, No.1, jan/2013. Disponível em:

. Acesso em 06 jul. 2020.

PINTO, Henrique Motta; CORRÊA, Luiza Andrade; PINTO, Camila Batista. O Aluno no Centro do Ensino em Direito: A Experiência da Escola em Formação da SBDP. Ensino do direito em debate: reflexões a partir do 1° Seminário Ensino Jurídico e Formação Docente / José Garcez Ghirardi e Marina Feferbaum (organizadores). -- São Paulo: Direito GV, 2013. -- (Série pesquisa Direito GV)

RIBEIRO, Juliana Oliveira; LOPES, Natália Camara; PINHEIRO, Prisla Tinelli. “Juridiquês: A quebra do contrato de comunicação”. Linguagem: Teoria, Análise e Aplicações. Rio de Janeiro: Programa de Pós-graduação em Letras, 2011. Disponível em: . Acesso em: 06 set. 2020.

RIOS, Terezinha Azerêdo. Compreender e ensinar: por uma docência da melhor qualidade. 5 ed. São Paulo: Cortez, 2005.

SILVA JUNIOR, Denarcy Souza e. A crise do ensino jurídico e a simplificação do Direito: o dito e o não dito do imaginário da sala de aula. Publicado no dia 20 de junho de 2016. Empório do Direito. Disponível em: http://emporiododireito.com.br/tag/crise-do-ensino-juridico/. Acesso em: 06 set. 2020.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv5n2-019

Apontamentos

  • Não há apontamentos.