O desafio da viagem pelo projeto Eduka + Angola para uma integrante da equipe com diabetes Mellitus Tipo I / The travel challenge by the Eduka + Angola project for a team member with Type I diabetes Mellitus

Edilene Barbosa Moreira, Maria Clemência Pinheiro de Lima Ferreira, Elizangela Diniz Fernandes de Oliveira, Iransé Oliveira Silva

Resumo


O projeto Eduka + Angola é um projeto de extensão acadêmica voltado à educação, que tem como principal objetivo a capacitação de professores. Em sua segunda edição, em janeiro de 2019, contou com 19 integrantes, uma equipe composta por professores e acadêmicos da UniEvangélica. O presente relato de experiência buscou descrever a adaptação do organismo de uma estudante diagnosticada com Diabetes Mellitus tipo 1 durante a execução do projeto, no período de 21 dias quando esteve em Angola, tendo por vista que, apesar de todo o preparo antes da viagem, ainda existia insegurança por parte da acadêmica diabética e um estado de alerta da equipe, sobretudo dos coordenadores. Neste tempo foi possível inferir que houve pouca modificação dos valores da glicose no decorrer da viagem, sendo que a maior variação foi identificada logo no início com a elevação da glicose em virtude da variação climática e alimentação, no entanto, ao término da jornada as mesmas encontravam-se dentro dos parâmetros individuais da acadêmica. Este resultado deixa evidenciado que é possível um indivíduo com diabetes, ainda que com certos cuidados, sair da sua rotina e ambiente de convívio, sem prejudicar a qualidade da saúde.


Palavras-chave


Diabetes Mellitus,Adaptação fisiológica, Angola.

Texto completo:

PDF

Referências


AMERICAN DIABETES ASSOCIATION. Diagnosisand Classificationof Diabetes Mellitus. 2009. Doi: 10.2337 / dc09-S062. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC2613584. Acesso em: 01 abr. 2019

CRYER, Michael J.; HORANI, Tariq; DIPETTE. Diabetes e Hipertensão: Diabetes e Hipertensão. 2016. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/26234374. Acesso em: 02 abr. 2019

FLORA, Marília Costa; GAMEIRO, Manuel Gonçalves Henriques. Autocuidado dos Adolescentes com Diabetes Mellitus Tipo 1: Conhecimento acerca da Doença. 2016. Disponível em: http://www.scielo.mec.pt/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0874-02832016000100003&lng=pt&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 10 mar. 2019.

MARQUES, Rosana de Morais Borges; FORNÉS, Nélida Schmid; STRINGHINI, Maria Luiza Ferreira. Fatores socioeconômicos, demográficos, nutricionais e de atividade física no controle glicêmico de adolescentes portadores de diabetes melito tipo 1. 2011. Disponível em: . Acesso em: 10 mar. 2019.

MICULIS, Cristiane P. et al. Atividade física na criança com diabetes tipo 1. 2010. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0021-75572010000400005&lng=en&nrm=iso&tlng=pt. Acesso em: 10 mar. 2019.

MINANNI, Carlos André et al. Abordagem integral do adolescente com diabetes. 2010. Disponível em: http://www.adolescenciaesaude.com/detalhe_artigo.asp?id=181#. Acesso em: 10 mar. 2019

SANGLARD, Mateus Lima et al. Diabetes mellitus: amputação como consequência de sua complicação. 2018. Disponível em: http://pensaracademico.facig.edu.br/index.php/semiariocientifico/article/view/770. Acesso em: 02 abr. 2019.

SOUSA, Francisco das Chagas Araújo et al. Prevalência de ansiedade em trabalhadores da fundação dos esportes do Piauí – FUNDESPI. 2020. DOI:10.34115/basrv4n3-021. Disponível em: http://www.brazilianjournals.com/index.php/BASR/article/view/9901/8320. Acesso em: 27 maio 2020.




DOI: https://doi.org/10.34115/basrv4n4-001

Apontamentos

  • Não há apontamentos.