A construção do feminino em “thelma & louise” e em “grand isle”: dois finais, um efeito / The female construction in “thelma & louise” and “grand isle”: two finals, one effect

Ana Paula Vieira de Andrade Assumpção, Luciane Botelho Martins, Eliane T. A. Campello

Abstract


Em contraponto ao ápice da sexualidade feminina que tomou as telas dos cinemas nos anos 50 (séc.XX), colocando a mulher no lugar de objeto do desejo, surgem duas produções: “Thelma e Louise” (1991), roteirizada por Callie Khouri, e “Grand Isle” (1991), filme dirigido por Mary Lambert, baseado na obra The awakening, 1899 (O despertar), de Kate Chopin. O que ambos têm em comum? É possível aproximá-los tematicamente devido ao desejo de liberdade das protagonistas femininas e a resistência dessas frente ao modelo tradicional instituído por uma sociedade patriarcal que subjuga as mulheres a exercerem papéis determinados pelo poder masculino. Nossa proposta é a de analisar o processo de construção da ruptura simbólica com convenções socialmente impostas, por meio da escolha das protagonistas - Thelma, Louise e Edna - no momento da morte.

 


Keywords


cinema; “Thelma & Louise”; “Grand Isle”; libertação; gênero.

References


ACSELRAD, Marcio. A teoria feminista vai ao cinema: configurações e reconfigurações do feminino na tela. Vozes & Diálogo. Itajaí, v. 14, n. 01, jan./jun. 2015. Disponível em: https://siaiap32.univali.br/seer/index.php/vd/article/view/6827/4537, consultado em 30/3/2020.

ADELMAN, Miriam. Vozes, olhares e o gênero do cinema. In FUNCK, Susana B.; WIDHOLZER, Nara R. (orgs.). Gênero em discursos na mídia. Florianópolis: Ed. Mulheres, 2005, p. 223-244.

BEAUVOIR, Simone de. O Segundo Sexo: a experiência vivida. 2ª edição. São Paulo: Difusão Europeia do Livro, 1967.

CHOPIN, Kate. O despertar. Trad. de Carmen Lúcia Foltran. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2002. [The awakening (1ª. ed., 1899)].

___. The awakening. Disponível em https://www.katechopin.org/the-awakening-text/, consultado em 2/04/2020 [KateChopin.org. THE KATE CHOPIN INTERNATIONAL SOCIETY].

JORGE, Marco Antonio Coutinho. Fundamentos da Psicanálise de Freud a Lacan, v. 2: A clínica da fantasia. Rio de Janeiro: Zahar, 2010.

PERROT, Michelle. Minha história das mulheres. Trad. Angela M. S. Côrrea. 2ª ed., 2ª reimpressão. São Paulo: Contexto, 2015.

ROSSI, Aparecido Donizete. A desarticulação do universo patriarcal em The Awakening, de Kate Chopin. 2006. 195 f. Dissertação (Mestrado em Letras - Estudos Literários), Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências e Letras de Araraquara, 2006. Disponível em: http://hdl.handle.net/ 11449/91595, consultado em 30/03/2020.

SROCZYNSKI, Maria Eloisa Zanchet. Uma análise linguístico-discursiva de O Despertar de Kate Chopin. 2004.112 f. Dissertação. (Mestrado em Letras - Linguística Aplicada), Universidade Católica de Pelotas. Pelotas.

STREY, Marlene Neves. A “criação” do corpo feminino ideal. In: STREY, Marlene Neves; CABEDA, Sonia T. Lisboa (Orgs.). Corpos e subjetividades em exercício interdisciplinar. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004, p. 225-266.

TELLES, Norma. Autor+a. In: JOBIM, José Luis (org.). Palavras da crítica. Rio de Janeiro: Imago, 1992.

ZUWICK, Ana Maria. Violência sexual e percepção do corpo. In: STREY, Marlene Neves; CABEDA, Sonia T. Lisboa (orgs.). Corpos e subjetividades em exercício interdisciplinar. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2004, p. 65-80.

THELMA & LOUISE. Direção: Ridley Scott. Roteiro: Callie Khouri. Intérpretes: Geena Davis, Susan Sarandon, Brad Pitt e outros. [S.l.]: Metro-Goldwyn-Mayer films, 1991. (129 min), 1 CD-ROM.

GRAND ISLE. Direção: Mary Lambert. Roteiro adaptado: Hesper Anderson. Intérpretes: Adrian Pasdar, Julian Sands, Glenne Headly, Ellen Burstyn e outros. [S.l.]: Turner Pictures, 1991. (94 min), 1 CD-ROM [adaptação de The awakening (1899), de Kate Chopin).




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-008

Refbacks

  • There are currently no refbacks.