O G.E.D. como instrumento para uma aprendizagem significativa no módulo ‘dinâmica celular’ / the G.E.D. as an instrument for significant learning in the ‘cell dynamics’ module

Kriscila Correia Aguiar, Darcy Mayra Furtado Gondim

Abstract


Este trabalho teve por objetivo a análise da contribuição do Grupo de Estudo Dirigido (G.E.D.) desenvolvido no módulo ‘Dinâmica celular’, durante o primeiro semestre de 2017, para a aprendizagem dos alunos. Buscou-se identificar quais metodologias de aula (conferência, ciclo de discussão de problemas ou prática de laboratório) e quais temas da disciplina eram, na visão dos alunos, de mais difícil assimilação, a fim de se constatar uma maior necessidade de apoio às aulas expositivas de ‘Conferências’. Os conteúdos foram trabalhados no grupo buscando sempre uma aprendizagem significativa. Constatou-se que os alunos participantes obtiveram desempenho superior aos demais alunos matriculados, concluindo-se pela necessidade de uma releitura da sala de aula, que cada vez mais a aproxime dos métodos ativos e promova uma aprendizagem mais eficiente.

 


Keywords


Monitoria acadêmica. Grupo de estudo dirigido. Aprendizagem significativa.

References


BARBOSA, E. F.; MOURA, D. G. Metodologias ativas de aprendizagem na educação profissional e tecnológica. B. Tec. Senac, Rio de Janeiro, v. 39, n.2, p.48-67, maio/ago. 2013.

BARROSO, G. S. et al. As estratégias do GED (grupo de estudo dirigido) como ferramenta de aprendizagem. In: ENCONTRO DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA, 16., 2016, Fortaleza. Anais... Fortaleza: UNIFOR, 2016.

BASTOS, N. M. G. Introdução à metodologia do trabalho acadêmico. 5. ed. Fortaleza: Nacional, 2012. 104 p.

DIESEL, A.; BALDEZ, A. L. S.; MARTINS, S. N. Os princípios das metodologias ativas de ensino: uma abordagem teórica. Revista Thema, Rio Grande do Sul, v. 14, n. 1, p. 268-288, 2017.

FREITAS, D. A. et al. Saberes docentes sobre processo ensino-aprendizagem e sua importância para a formação profissional em saúde. Interface, Botucatu, v. 20, n. 57, p. 437-448, jun. 2016.

GONDIM, D. M. F. et al. Avaliação da escuta discente como ferramenta de transformação nos processos de ensino e aprendizagem. In: ENCONTRO DE PRÁTICAS DOCENTES, 7., 2015, Fortaleza. Anais... Fortaleza: UNIFOR, 2015.

MELLO, C. de C. B.; ALVES, R. O.; LEMOS, S. M. A. Metodologias de ensino e formação na área da saúde: revisão de literatura. Revista CEFAC, São Paulo, v. 16, n. 6, p. 2015-2028, dez. 2014.

MOREIRA, M. A. Aprendizagem significativa: a teoria de David Ausubel. São Paulo: Moraes, 1982. 112 p.

MOREIRA, M. A. A teoria da aprendizagem significativa e sua implementação em sala de aula. Brasília: Universidade de Brasília, 2006. 186 p.

NEPOMUSCENO, G. R. et al. Avaliação do grupo de estudo dirigido (GED) no módulo Alimentos II do curso de nutrição como estratégia de ensino e aprendizagem. In: ENCONTRO DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA, 16., 2016, Fortaleza. Anais... Fortaleza: UNIFOR, 2016.

SILVA, S. L. et al. Estratégia educacional baseada em problemas para grandes grupos: relato de experiência. Revista Brasileira de Educação Médica, Rio de Janeiro, v. 39, n. 4, p. 607-613, 2015.

SOUZA, C.; IGLESIAS, A. G.; PAZIN-FILHO, A. Estratégias inovadoras para métodos de ensino tradicionais – aspectos gerais. Revista da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto (online), Ribeirão Preto, v. 47, n. 3, p. 284-292, nov. 2014. Disponível em: . Acesso em: 20 ago. 2017.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-466

Refbacks

  • There are currently no refbacks.