Os perfis dos professores de física nas escolas públicas de Itaperuna e Porciúncula / The profiles of physics teachers in the public schools of Itaperuna and Porciúncula

Francismar Rimoli Berquó, Arthur de Souza Casado

Abstract


Uma das grandes preocupações com o ensino de física é com a formação dos professores de física. Mesmo nas capitais, onde existem diversas oportunidades para buscar novos cursos, presenciais ou à distância, o professor, ainda, encontra dificuldades de se matricular ou finalizar uma escolha de curso por diversos fatores, por exemplo, a falta de tempo, o deslocamento entre a residência e o trabalho e a desvalorização da profissão. Conforme as regiões ficam mais afastadas das capitais, geograficamente, as oportunidades ficam mais reduzidas. Então, a busca de desenvolver um trabalho no interior do Estado do Rio de Janeiro, em Itaperuna e Porciúncula, que ficam aproximadamente a 320 km da capital, tem uma importância para compreender as práticas e perfis dos professores de física em algumas escolas públicas destas regiões. Isto foi possível através das entrevistas com os professores de física (não foram todos). Cada entrevistado respondeu um questionário envolvendo a sua formação docente, suas atividades e a importância da capacitação. Com estas informações adquiridas, pode-se realizar um diagnóstico sobre estes entrevistados e, num futuro, servir de base para futuras pesquisas nas regiões de Itaperuna e Porciúncula. Esta pesquisa mostra alguns fatores importantes, por exemplo, 38% dos entrevistados possuem licenciatura em física e 50% não sabem se terão oportunidades de fazer mestrado ou doutorado. Estas e outras informações serão mostradas durante o texto com mais detalhes.


Keywords


ensino de física, capacitação, perfil dos professores.

References


BASTOS, Paulo Marcos Santiago. O ensino de física na rede pública da Bahia. Caderno de Física da Universidade Estadual de Feira de Santana, Feira de Santana, v. 08, n. 01-02, p.81-89, 2010.

CESAR, A. M. R. V. C. Método do estudo do caso (case studies) ou método do caso (teaching cases)?: uma análise dos dois métodos no ensino e pesquisa em administração. São Paulo: Universidade Presbiteriana Mackenzie, 2005. Disponível em: http://www.mackenzie.br/fileadmin/Graduacao/CCSA/remac/jul_dez_05/06.pdf.

Acesso em: 24 jul. 2018.

HALMENSCHLAGER, Raiza Betania et al. Formação continuada de professores de Matemática e Física: integração de recursos tecnológicos. Disponível em: http://educacaopublica.cederj.edu.br/revista/artigos/formacao-continuada-de-professores-de-matematica-e-fisica-possibilidade-de-integrar-recursos-tecnologicos-no-ensino-medio. Acesso em: 27 jul. 2018.

MOREIRA, André Luiz Gomes et al. O perfil dos professores no ensino de física na região do Curimataú Oriental Paraibano. III Conedu - Congresso Nacional de Educação, Natal/RN, v. 1, p.1-11, 2016, ISSN 2358-8829.

NARDI, Roberto. Um em cada quatro professores de física desiste de lecionar. Disponível em: http://g1.globo.com/educacao/noticia/2013/03/um-em-cada-quatro-professores-de-fisica-desiste-de-lecionar-diz-estudo.html Acesso em: 23 mar. 2013.

PUGLIESE, Renato Marcon. O trabalho do professor de Física no ensino médio: um retrato da realidade, da vontade e da necessidade nos âmbitos socioeconômico e metodológico. Ciência & Educação (bauru), v. 23, n. 4, p.963-978, dez. 2017. FapUNIFESP (SciELO). http://dx.doi.org/10.1590/1516-731320170040006.

TEIXEIRA, Ricardo Roberto Plaza; PANTALEO JÚNIOR, Modesto; GOLFETTE, Bruno Henrique. Perfil dos professores de física do ensino médio em São Paulo. Disponível em: http://www.ufpa.br/ensinofts/perfilpfsp.html. Acesso em: 25 jul. 2018.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-386

Refbacks

  • There are currently no refbacks.