Determinantes sociais de saúde e o processo de avalição social pré-transplante renal / Social determinants of health and the social assessment process renal pre-transplantation

Cíntia Raquel da Silva Castro

Abstract


A criação e implementação do Sistema Único de Saúde (SUS) fortaleceu o entendimento sobre os Determinantes Sociais de Saúde (DSS) e como estes são fundamentais para compreender as formas de tratamento e recuperação de pacientes. A partir disso, políticas estratégicas se formam para compreender os indivíduos não apenas por seu diagnóstico, mas em sua complexidade, considerando fatores sociais, psicológicos, econômicos e culturais. Assim, o objetivo do presente trabalho é refletir sobre as formas de vulnerabilidade social e como estas repercutem no processo de saúde dos indivíduos a partir da experiência de trabalho de uma assistente social residente com os pacientes em período pré-transplante renal no Hospital Universitário Walter Cantídio em Fortaleza – CE. Os desafios encontrados no cotidiano de trabalho do(a) assistente social inserem-se no contexto de desigualdades geradas pelo sistema econômico vigente. Esta realidade, muitas vezes, limita a intervenção profissional, que está interligada às políticas públicas e sociais. No contexto da saúde, os DSS devem ser analisados de forma aprofundada, em suas bases e origens, para que seja possível a criação de estratégias efetivas de intervenção


Keywords


Determinantes Sociais de Saúde, Vulnerabilidade Social, Saúde Coletiva

References


ALMEIDA-FILHO, Naomar de; PAIM, Jairnilson Silva;. Saúde Coletiva: Teoria e Prática. São Paulo: MEDBOOK, 2014.

BUSS, Paulo M. Globalização, pobreza e saúde. Ciência & Saúde Coletiva, 12(6):1575-1589, 2007.

CARVALHO, Antônio I. Determinantes sociais econômicos e ambientais da saúde. In FUNDAÇÃO OSWALDO CRUZ. A saúde no Brasil em 2030: prospecção estratégica do sistema de saúde brasileiro: população e perfil sanitário [online]. Rio de Janeiro: Fiocruz/Ipea/Ministério da Saúde/Secretaria de Assuntos Estratégicos da Presidência da República, 2013. Vol. 2. pp. 19-38.

GUERRA, Yolanda. A dimensão técnico-operativa do exercício profissional. In: BACKX, Sheila; GUERRA, Yolanda; SANTOS, Cláudia M. A dimensão técnico-operativa no Serviço Social: desafios contemporâneos. São Paulo: Cortez, 2017.

PIMENTEL, Alessandra. O método da análise documental: seu uso numa pesquisa historiográfica. Cadernos de pesquisa, n. 114, p. 179-195, 2001.

NETTO, José Paulo. Capitalismo monopolista e serviço social. São Paulo: Cortez, 2009.

RIBEIRO, Cristina. Família, saúde e doença: o que diz a investigação. Rev Port Clin Geral 2007;23:299-306.

SETUBAL, Aglair Alencar. Desafios à pesquisa no Serviço Social: da formação acadêmica à prática profissional. Revista Katálysis, v. 10, n. 3, p. 64-72, 2007.

SOUZA, Diego de Oliveira; SILVA, Sóstenes Ericson Vicente da; SILVA, Neuzianne de Oliveira. Determinantes Sociais da Saúde: reflexões a partir das raízes da" questão social". Saúde e Sociedade, v. 22, p. 44-56, 2013.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-380

Refbacks

  • There are currently no refbacks.