Valorização da cultura ribeirinha do engenho Crauassu: “O Monstro do Rio Ipojuca” / Valuing the ribeirinha culture of engenho Crauassu: “The Monster of Rio Ipojuca”

Valdilene Valdice de Santana, Nilza Josefa de Lima, Noberto Francisco de Barros Júnior, Roberta Elane Maria Xavier, Elilde Maria Ramos, Silvia Helena Vasconcelos da Silva, Ana Lúcia de Vasconcelos, Patrício Rinaldo dos Santos

Abstract


O conceito de educação existente na legislação brasileira atesta a valorização do diferente, mesmo não sendo respeitado na prática pelo atual sistema educacional. A Educação abrange os processos formativos que se desenvolvem na vida familiar, na convivência humana, no trabalho, nas instituições de ensino e pesquisa, nos movimentos sociais e organizações da sociedade civil e nas manifestações culturais (Leis de Diretrizes e Bases da Educação Nacional- LDB, 1996). Pensando em tornar a educação um instrumento de fortalecimento de identidade, atendendo as necessidades do povo e de alguma forma buscar, por meio do conhecimento, construir e fortalecer a cultura local, foi criado o projeto intitulado: Valorização da cultura por meio das narrativas orais contadas pela comunidade ribeirinha do Engenho Crauassu: “O Monstro do Rio Ipojuca”. Esta pesquisa é descritiva com abordagem qualitativa, traz, em suma, o relato de um projeto pedagógico desenvolvido na Escola Municipal São Mateus, localizada na comunida ribeirinha do Engenho Crauassu, Ipojuca, Pernambuco, Brasil, tendo por objetivo descrever as ações e apresentar o resultado  do projeto supracitado, bem como discorrer sobre sua importância para a educação e para a comunidade local.


Keywords


Educação; Escrita; Leitura; Cultura.

References


BRASIL. Ministério de Educação e Cultura. LDB - Lei nº 9394/96, de 20 de dezembro de 1996. Estabelece as diretrizes e bases da Educação Nacional. Brasília : MEC, 1996.

BRASIL. Parâmetros Curriculares Nacionais (PCNs). Introdução. Ensino Fundamental. Brasília: MEC/SEF, 1998.

CALVINO, I. As seis propostas para o próximo milênio. Trad. Ivo Barroso. São Paulo: Companhia das Letras, p. 138, 1990.

DELORS, J. Intervenção na Conferência das Nações Unidas sobre o ambiente e o desenvolvimento. Rio de Janeiro (Brasil), jun. 1992.

DELORS, J. Educação: um tesouro a descobrir: Relatório para a Unesco da Comissão Internacional sobre Educação para o séc. XXI. 4. ed. São Paulo: Cortez, 2000.

DELORS, J. Educação um tesouro a descobrir. Rio de Janeiro: Ed. Cortez, p 21, p 114. 2001.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 64. ed. Rio de Janeiro/ São Paulo: Paz e Terra, 2007. GIL, A. C. Métodos e técnicas de pesquisa social. 6ª Ed. São Paulo: Atlas, 2008.

LERNER, D. Ler e escrever na escola: o real, o possível e o necessário. Porto Alegre, Artmed, 2002.

LARAIA, R. de B. Cultura: um conceito antropológico. 19 ed. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2006.

MACIEL, K. F. "O pensamento de Paulo Freire na trajetória da educação popular." Educação em Perspectiva 2, no. 2, 2011.

NASCIMENTO, C.G. Educação e Cultura: as escolas do campo em movimento. Revista Fragmentos de Cultura-Revista Interdisciplinar de Ciências Humanas, 16( 1112), pp.867-883. 2006.

RODRIGUES, Z. D. Os quatro pilares de uma educação para o século XXI e suas implicações na prática pedagógica, 2005.

VALSINER, J. Culture and human development. London: Sage.2000.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-325

Refbacks

  • There are currently no refbacks.