O desenvolvimento brasileiro das florestas de rápido crescimento com fins energéticos / The Brazilian development of the forest rapid growth for energy

Luiz Moreira Coelho Junior, Anna Manuella Melo Nunes, Juliana Fernandes Ferreira Pádua, Edvaldo Pereira Santos Júnior, Pedro Augusto Fonseca Lima

Abstract


Este trabalho dimensionou o desenvolvimento brasileiro das florestas plantadas para fins energéticos. A análise foi realizada por meio de contextos históricos e bibliográficos. A das analises realizadas, permitiu concluir que: a técnica de seleção de espécies potenciais no início do século  XX foi o primeiro passo para o desenvolvimento das florestas de rápido crescimento; os incentivos fiscais proporcionaram a retomada do crescimento econômico brasileiro e alavancou os plantios florestais para fins energéticos; os preços do carvão vegetal foram influenciados pelos planos econômicos, que buscavam a estabilidade econômica; ao longo do tempo, os preços reais do carvão vegetal parecem variar sem nenhum nexo causal com os preços reais do petróleo; a eficiência produtiva do carvão vegetal na siderurgia foi bastante significativa nas últimas décadas.




Keywords


bioenergia, reflorestamento, combustível de madeira, economia florestal

References


ABRAF - ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS PRODUTORES DE FLORESTA PLANTADAS.

Anuário estatístico da ABRAF: ano base 2008. Brasília, 2009.

ALFARO, L. G. J. Localização econômica dos reflorestamentos com eucalipto, para a produção de carvão, no estado de Minas Gerais [Dissertação]. Viçosa, MG: Universidade Federal de Viçosa; 1985.

AMS - Associação Mineira de Silvicultura. Anuário estatístico. Belo Horizonte, 2009.

BRASIL. Lei nº 4771, de 15 de setembro de 1965. Institui o novo Código Florestal. Diário Oficial da União, Brasília, 16 set. 1965.

BRASIL. Lei nº 5.106, de 02 de setembro de 1966. Dispõe sobre os incentivos fiscais concedidos a empreendimentos florestais. Diário Oficial da união, Brasília, 03 de set. De 1966.

BRASIL. Ministério de Minas e Energia. Balanço energético nacional. Brasília, 2002.

CÂNDIDO JF. Eucalipto - Introduções sobre: escolha de espécie, produção de mudas, plantio, tratos e exploração. 2rd ed. Viçosa: UFV; 1974.

COELHO JUNIOR, L. M., REZENDE, J. L. P., BATISTA, A. L. F., MENDONCA, A. R.,

LACERDA, W. S. Use of artificial neural networks for prognosis of charcoal prices in Minas Gerais. Cerne. 2013; 19(4): 281-288.

COELHO JUNIOR, L. M., REZENDE, J. L. P., BORGES, L. A. C. Influência dos planos

econômicos e análise comparativa dos preços do carvão vegetal e do petróleo. In: 4º Simpósio latino-americano sobre manejo florestal; Anais... Santa Maria: UFSM. 2008.

COELHO JUNIOR, L.M.; REZENDE, J. L. P.; SÁFADE, T.; CALEGARIO, N. Análise temporal

do preço do carvão vegetal oriundo de floresta nativa e de floresta plantada. Scientia Forestalis, n. 70: 39-48. 2006.

COELHO JUNIOR, L. M. Análise temporal dos preços do carvão vegetal, no Estado de Minas Gerais. [Dissertação]. Lavras, MG: Universidade Federal de Lavras; 2004.

CONSELHO DE DESENVOLVIMENTO ECONÔMICO. Programa Estratégico de Substituição de Energia. Brasília, 1974.

FAO. Sustainable bioenergy: A framework for decision makes. Rome: FAO; 2007. FIDELLINI, A. Economia do Setor Público. São Paulo: Atlas; 1994.

FURTADO, C. O Mito do Desenvolvimento Econômico. 6rd ed. São Paulo: Paz e Terra; 1983.

GOLFARI, L. Zoneamento ecológico esquemático para reflorestamento no Brasil: 2a. aproximação. Belo Horizonte: Centro de Pesq. Florestal da Reg. do Cerrado; 1978. (Serie Técnica

; no.11).

LIMA JR., V. B. Análise da mudança tecnológica no processo de produção de madeira de reflorestamento [Tese]. Viçosa-MG: Universidade Federal de Viçosa; 2000.

Paula GM. Consumo de energia na siderurgia brasileira. In: XX Encontro Nacional de Economia [CD-ROM]; 1992, Anais..., Campos do Jordão. Campos do Jordão: Anpec. 1992.

RESENDE, M. F. C; TEIXEIRA, J. R. Competitividade, vulnerabilidade e crescimento na economia brasileira. 1978/2000. Brasília, 2001(Texto para Discussão, n. 844).

REZENDE, J. L. P., COELHO JUNIOR, L. M., BORGES, L. A. C. Madeira e derivados:

oportunidades do Brasil no mercado internacional. In: OLIVEIRA, J. T. S.; FIEDLER, N. C., NOGUEIRA, M. Tecnologias aplicadas ao setor madeireiro III. Jerônimo Monteiro: Suprema; 2008.

REZENDE, J. L. P.; COELHO JUNIOR, L. M.; OLIVEIRA, A. D. Economia florestal mineira vis- à-vis economia florestal brasileira. In: Simpósio de Sólidos de Eucalipto: Avanços Científicos e Tecnológicos; 2002; Anais... Lavras. Lavras: UFLA, 2002; p. 1-29.

REZENDE, J. L. P.; OLIVEIRA, A. D. Análise econômica e social de projetos florestais. Viçosa, MG: UFV; 2001.

REZENDE, J. L. P., PAULA JR., G. G., RIBEIRO, G. A. Técnicas de análise econômicas usadas na tomada de decisões referentes à reforma de eucaliptais. In: Seminário Sobre Aspectos Técnicos e Econômicos da Reforma de Eucaliptais. 1987. Anais...; Belo Horizonte. Viçosa: SIF; 1987.

REZENDE, J. L. P., SOUZA. A. N., OLIVEIRA, A. D. The optimal time for substitution of Eucalyptus spp. plantations - the technological progress case. Cerne 2005; 11(1): 1-15.

ROVERE, E. L. L. Energia e meio ambiente. In: MARGULIS, S., Editor. Meio ambiente: aspectos técnicos e econômicos. Brasília: IPEA; 1996.

VALENTE, O. F. Carbonização de madeira de eucalipto. Informe Agropecuário1987; 12 (141): 1987, p.74-82.

Varian, H. R. Microeconomia: Princípios básicos. Rio de janeiro: Campus; 1993.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-310

Refbacks

  • There are currently no refbacks.