Aproveitamento de sistemas separadores de água e óleo em empreendimentos na construção civil / Use of water and oil separator systems in civil construction

Neemias Eloy Choté, Luciana Carreiras Norte, José Roberto Moreira Ribeiro Gonçalves, Fabiano Battemarco da Silva Martins

Abstract


No presente estudo foi realizada uma análise da utilização dos Sistemas Separadores de Água e Óleo (SSAO) em empreendimentos da área petrolífera, como oficinas de automóveis e postos de combustíveis e também nas obras de construção civil. Nele é ensinado como construir o SSAO, a realizar a manutenção do sistema, e também traz a informação sobre como reutilizar a água separada pelo SSAO e como realizar o descarte do óleo retido no SSAO.


Keywords


Sistema Separador de Água e Óleo. Lava-Rodas. Diesel

References


ABNT – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICA. NBR 13786: Armazenamento de líquidos inflamáveis e combustíveis - Seleção dos componentes para instalação de sistema de armazenamento subterrâneo de combustíveis (SASC). Rio de Janeiro – RJ, 2014.

ABNT – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13783 - Posto de serviço - Instalação do sistema de armazenamento subterrâneo de combustíveis – SASC (Versão corrigida: 2009) - Rio de Janeiro – RJ, 2010.

ABNT – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 13786: Armazenamento de líquidos inflamáveis e combustíveis - Seleção dos componentes para instalação de sistema de armazenamento subterrâneo de combustíveis (SASC). Rio de Janeiro – RJ, 2014.

ANP, AGÊNCIA NACIONAL DE PETRÓLEO. Portaria n° 128, de 30 de julho de 1999. Estabelece a regulamentação à atividade industrial de rerrefino de óleo lubrificante usado ou contaminado. Portaria n° 171, de 20 de outubro de 1999. Dispõe sobre a anuência prévia da ANP para a importação de solventes.

AQUINO SOB., H.L. Design gráfico da pluma de contaminação por compostos orgânicos voláteis utilizando software CAD na investigação de passivo ambiental em um posto revendedor de combustíveis em Natal/RN. 2011. 81f. Dissertação (Mestrado em Engenharia do Petróleo) – Centro de Tecnologia, Centro de Ciências Exatas e da Terra, Programa de Pós-Graduação em Ciências e Engenharia do Petróleo, Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal.

ARAÚJO, Alyna Rayara Antunes de. DIAGNÓSTICO AMBIENTAL EM POSTOS REVENDEDORES DE COMBUSTÍVEIS E PROPOSIÇÃO DE REDE DE MONITORAMENTO QUALITATIVA DAS ÁGUAS SUBTERRÂNEAS DO MUNICÍPIO DE NATAL/RN. 65f. Monografia (TCC) – Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal, 2018.

ARAUJO, Pedro Maia; BORGES, Cristiano Piacsek; BRANCO, Lucas da Paz Nogueira; ESQUERRE, Karla Patricia; KIPERSTOK, Asher; MOTTA, Albérico Ricardo Passos da. Tratamento de água produzida de petróleo para remoção de óleo por processos de separação por membranas: revisão. Eng. Sanit. Ambient., Rio de Janeiro , v. 18, n. 1, p. 15-26, Mar. 2013

ARAUJO, Pedro Maia; BORGES, Cristiano Piacsek; BRANCO, Lucas da Paz Nogueira; ESQUERRE, Karla Patricia; KIPERSTOK, Asher; MOTTA, Albérico Ricardo Passos da. Tratamento de água produzida de petróleo para remoção de óleo por processos de separação por membranas: revisão. Eng. Sanit. Ambient., Rio de Janeiro, v. 18, n. 1, p. 15-26, Mar. 2013.

BLACK, Henrique Fernando; GONÇALVES, Cátia Viviane. SISTEMA DE SEPARAÇÃODE ÁGUA E ÓLEO –REAJUSTE DE CAIXA SEPARADORA. Univates. Rio Grande do Sul. Jun. 2016

BOHN, Fernando Pudell. TRATAMENTO DO EFLUENTE GERADO NA LAVAGEM DE VEÍCULOS. 48f. Monografia (TCC) - UNIJUÍ – Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul. Panambi (RS), 2014.

BRASIL. Conselho Nacional de Meio Ambiente. (2007) Resolução nº 393 de 8 de agosto 2007. Dispõe sobre o descarte contínuo de água de processo ou de produção em plataformas marítimas de petróleo e gás natural, e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 9 de agosto de 2007.

BRASIL. Conselho Nacional de Meio Ambiente. (2008) Resolução nº 396 de 3 de abril de 2008. Dispõe sobre a classificação e diretrizes ambientais para o enquadramento das águas subterrâneas e dá outras providências. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 7 de abril de 2008.

BRAUN, Silvana; APPEL, Lucia Gorenstin; SCHMAL, Martin. A poluição gerada por máquinas de combustão interna movidas à diesel - a questão dos particulados. Estratégias atuais para a redução e controle das emissões e tendências futuras. Quím. Nova, São Paulo , v. 27, n. 3, p. 472-482, June 2004 .

CARVALHO, Roberto Gonçalves de; KRUK, Nadiane Smaha; KAWACHI, Elizabete Yoshie; QUEIROZ, Paulo Ivo Braga de. Um método de ensaio para determinação da concentração de óleo em amostras de águas contaminadas com óleos e graxas. Eng. Sanit. Ambient., Rio de Janeiro, v. 24, n. 3,p. 515-523, Maio, 2019.

CARVALHO, Roberto Gonçalves de; KRUK, Nadiane Smaha; KAWACHI, Elizabete Yoshie; QUEIROZ, Paulo Ivo Braga de. Um método de ensaio para determinação da concentração de óleo em amostras de águas contaminadas com óleos e graxas. Eng. Sanit. Ambient., Rio de Janeiro, v. 24, n. 3p. 515-523, Maio, 2019.

CONAMA - CONSELHO NACIONAL MEIO AMBIENTE. Resolução nº 273, 2000. Dispõe sobre a obrigatoriedade do licenciamento ambiental. Disponível em: . Acesso em 27/09/2019

CONAMA - CONSELHO NACIONAL MEIO AMBIENTE. Resolução nº 273, 2000. Dispõe sobre a obrigatoriedade do licenciamento ambiental. Disponível em: http://www.conama.gov.br. Acesso em 27/09/2019.

CONSELHO NACIONAL DE RECURSOS HÍDRICOS CNRH (Brasil). Resolução nº 54, de 28 de Novembro de 2005. Estabelece modalidades, diretrizes e critérios gerais para a prática de reuso direto não potável de água, e dá outras providências. Presidente: Marina Silva. Diário Oficial [da] União, Brasília, 09 mar. 2006.

EPA – United States Environmental Protection Agency (1990). Guia Para La Proteccion De Las Aguas Subterraneas. EPA 440/6-90-004.

EPA – United States Environmental Protection Agency. Oil/Water Separators – Best Environmental Practices for Auto Repair and Fleet Management. Washington – DC. November 1999.

FEEMA – FUNDAÇÃO ESTADUAL DE ENGENHARIA DO MEIO AMBIENTE. NT 202-R10, de 12 de dezembro de 1986. Critérios e padrões para lançamento de efluentes líquidos. DZ 205-R5, de 05 de outubro de 1991. Diretriz de controle de carga orgânica em efluentes líquidos de origem industrial. IT 1842 R-0, de 12 de março de 2003. Instrução técnica para o requerimento das licenças ambientais para postos de serviço e obtenção da autorização para seu encerramento. MF 412. Método de determinação de óleos e graxas (extração em Soxhlet). MF 413. Método de determinação de óleos e graxas (partição gravimétrica). MF 414. Método de determinação de óleos minerais (extração Soxhlet e separação com sílica gel).

KERBER, Fernando Furtado. ATENDIMENTO A LEGISLAÇÃO AMBIENTAL EM POSTOS DE ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEIS: UMA CONTRIBUIÇÃO A PERÍCIA AMBIENTAL CRIMINAL. Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Perícias Criminais Ambientais, Florianópolis, 2013.

KERBER, Fernando Furtado. ATENDIMENTO A LEGISLAÇÃO AMBIENTAL EM POSTOS DE ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEIS: UMA CONTRIBUIÇÃO A PERÍCIA AMBIENTAL CRIMINAL. Dissertação (mestrado profissional) - Universidade Federal de Santa Catarina, Centro de Ciências Biológicas, Programa de Pós-Graduação em Perícias Criminais Ambientais, Florianópolis, 2013.

LEPPA, Adriano da Silva; GONÇALVES, Cátia Viviane. Sistema de separação de água e óleo em atividades automotivas – Considerações Gerais. Univates. Rio Grande do Sul. Jul. 2015.

LOPES, Verushka Symonne de Medeiros. Avaliação preliminar da contaminação por btex, em água subterrânea de poços tubulares, no município de Natal/RN. Tese (Mestrado) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Natal, 2011.

LUCAS, D.; BENATTI, C.T. Utilização de resíduos industriais para a produção de artefatos cimentícios e argilosos empregados na construção civil. Revista em agronegócios e meio ambiente. v. 1, n. 3, p. 405-418, set/dez, 2008.

MITRE, Teofani Koslides; LEAO, Mônica Maria Diniz; ALVARENGA, Marcella Cristina Neves. Tratamento de águas contaminadas por diesel/biodiesel utilizando processo Fenton. Eng. Sanit. Ambient., Rio de Janeiro , v. 17, n. 2, p. 129-136, June 2012.

SAWAMURA, Márcia Yumy; MORITA, Dione Mari. Mecanismos de desemulsificação de águas residuárias de indústrias de refino de óleo lubrificante pelo processo ácido-argila com cloreto férrico. Revista Engenharia Sanitária e Ambiental, v. 4, p. 76-83, 1999.

SECRON, Marcelo Bernardes; GIORDANO, Gandhi; FILHO, Olavo Barbosa. AVALIAÇÃO DE SISTEMAS SEPARADORES ÁGUA E ÓLEO DO TRATAMENTO DE EFLUENTES DE LAVAGEM, ABASTECIMENTO E MANUTENÇÃO DE VEÍCULOS AUTOMOTORES. Dissertação (Mestrado Profissional) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, Centro de Tecnologia e Ciências, Departamento de Engenharia Sanitária e do Meio Ambiente, Rio de Janeiro, 2006.

SILVA, Robson Rodrigo da; VIOLIN, Ronan Yuzo Takeda. GESTÃO DA ÁGUA EM CANTEIROS DE OBRAS DE CONSTRUÇÃO CIVIL. UNICESUMAR – Centro Universitário de Maringá. Maringá (PR), 2014.




DOI: https://doi.org/10.34117/bjdv6n5-275

Refbacks

  • There are currently no refbacks.