Alterações metabólicas e cardiovasculares e sua relação com a obesidade em idosos / Metabolic and cardiovascular changes and their relationship with obesity in the elderly

Deisiane dos Santos Silva, Arianna Oliveira Santana Lopes, Alessandra Souza de Oliveira, Nildete Pereira Gomes, Luciana Araújo dos Reis, Stênio Fernando Pimentel Duarte

Abstract


Objetivo: identificar as consequências metabólicas e cardiovasculares adquiridas por idosos e sua relação com obesidade. Métodos: trata-se de uma pesquisa analítica, transversal e quantitativa, realizada com 254 idosos. Resultados: a maioria das entrevistadas é do sexo feminino 73,0%,em relação às patologias 2,4% declararam obesidade; 15,8% diabetes; 62,7% já apresentaram diagnóstico para acidente vascular encefálico; sendo76,8% diagnosticados com hipertensão arterial. Quanto ao Índice de Massa Corpórea 60,6% apresentavam valores aumentados; 72,6% estavam com a circunferência abdominal acima dos índices recomendados e 90,5% dos participantes estavam com relação cintura quadril acima do esperado. Conclusão: nota-se a prevalência das doenças crônicas e suas complicações relacionadas obesidade em idosos interferem diretamente num envelhecimento saudável e de qualidade.


Keywords


Idoso; Obesidade; Envelhecimento; Doenças Cardiovasculares; Doenças Metabólicas.

References


Ministério da Saúde (BR). Cadernos de Atenção Básica nº 38 – Estratégias de cuidado da pessoa com doença crônica obesidade [Internet]. 2014 [citado 2017 mai. 15]. Disponível em:http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/estrategias_cuidado_doenca_cronica_obesidade_cab38.pdf

Martins TCR, Chagas RB, Andrade JFR, Mendes DC, Souza LPS, Dias OV, et al. Excesso de peso e fatores associados: um estudo de base populacional. Enfermería Global [Internet].2016 [cited Jul 19, 2017]; 44:63-74. Available from: http://scielo.isciii.es/pdf/eg/v15n44/pt_clinica3.pdf

Vitoi NC, Fogal LAS, Nascimento CM, Franceschini SCC, Ribeiro AQ. Prevalência e fatores associados ao diabetes em idosos no município de Viçosa, Minas Gerais. Rev. bras. epidemiol. [online]. 2015; 18 (4): 953-65. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1980-5497201500040022.

Ministério da Saúde (BR). Portaria n° 62, de 6 de janeiro de 2017. redefine as diretrizes para a organização da prevenção e do tratamento do sobrepeso e obesidade como linha de cuidado prioritária na Rede de Atenção às Pessoas com Doenças Crônicas. Diário Oficial da União. 6janeiro 2017; Seção 1:37.

Gus I, Ribeiro RA, Kato S, Bastos J, Medina C, Zazlavsky C, et al. Variations in the Prevalence of Risk Factors for Coronary Artery Disease in Rio Grande do Sul-Brazil: A Comparative Analysis between 2002 and 2014. Arq. Bras. Cardiol. 2015; 105(6): 573-9. doi: http://dx.doi.org/10.5935/abc.20150127

Moreira PL, Corrente JE, Villas Boas PJF, Ferreira ALA. Dietarypatterns are associate edwith general and central obesity in elderly living in a Braziliancity. Rev. Assoc. Med. Bras. 2014; 60 (5): 457-464. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1806-9282.60.05.014

Oliveira FDST, Felisbino MMS, Malta DC, Velasquez MG. Prevalência de incapacidade funcional em idosos: análise da Pesquisa Nacional de Saúde. Rev Rene. 2017. 18(4), 468-475.

Almeida TZS, Santos CA, Rocha SV, Predreira RBS, Junior EPP. Prevalência e fatores associados à incapacidade funcional em idosos residentes na zona rural. Rev. Ciênc. Méd. Biol. 2016; 15(2):199-203. Doi: http://dx.doi.org/10.9771/cmbio.v15i2.16996

Zhong P, Sun D, Wu D, Li T, Wu Y, Xu L. Neck circumference can be used as a valuable tool to screen the cardiovascular risk factors in Chinese elderly: a community based study. Int J Clin Exp Med [Internet]. 2017 [cited Aug 8 2017];10(2):3685-91. Available from: http://www.ijcem.com/files/ijcem0025028.pdf

Barbosa RC, Santos JR, O SCS, Pinho L.). Condições de saúde de idosos jovens e velhos. Rev Rene. 2016. 17(1).

Cheng Y, Zhu Y, Zhang J, Duan X, Zhang Y. Large Accumulation of Collagen and Increased Activation of Mast Cells in Hearts of Mice with Hyperlipidemia. Arq Bras Cardiol. 2017;109( 5 ): 404-9. doi: http://dx.doi.org/10.5935/abc.20170143

Garcez MR, Pereira JL,Fontenelli MM, Marchioni DML, Fisberg RM. Prevalência de Dislipidemia Segundo Estado Nutricional em Amostra Representativa de São Paulo. Arq. Bras. Cardiol. 2014; 103(6):476-84. doi: http://dx.doi.org/10.5935/abc.20140156

Vicente MC, Silva CRR, Pimenta CJL, Frazão MCLO, Costa TF, Costa KNFM. Resilience and self-care of elderly people with diabetes mellitus. Rev Rene. 2019;20:e33947. doi: dx.doi.org/10.15253/2175-6783.20192033947

Silveira EA, Vieira LL. Jardim TV, Souza JD. Obesidade em Idosos e sua Associação com Consumo Alimentar, Diabetes Mellitus e Infarto Agudo do Miocárdio. Arq. Bras. Cardiol. 2016; 107(6):509-17. doi: http://dx.doi.org/10.5935/abc.20160182.

Martel MRF, Colussi EL, Marchi ACB. Efeitos da intervenção com game na atenção e na independência funcional em idosos após acidente vascular encefálico. Fisioter. Pesqui. 2016; 23(1):52-8. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1809-2950/14643623012016.

Palmeira CS, Garrido LMM, Lima ML, Guimarães AC, Ladeia AMT.Perceptions about the health condition of people with obesity. Rev Rene. 2016 set-out; 17(5):724-31. doi: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.2016000500019.




DOI: https://doi.org/10.34119/bjhrv3n3-036

Refbacks

  • There are currently no refbacks.